Focado em Moreno, 'Formiga' adota cautela sobre possível luta pelo título dos moscas

Atual número dois do ranking do peso-mosca (57 kg), Jussier ‘Formiga’ vai ter mais uma oportunidade de se aproximar de uma chance pelo título da divisão. No dia 14 de março, no UFC Brasília, o brasileiro encara Brandon Moreno. Antes do seu compromisso, o atleta tupiniquim comemorou a decisão do Ultimate de destronar Henry Cejudo do posto de campeão da categoria e marcar uma nova disputa para ver quem será o novo rei.

No dia 29 de fevereiro, Joseph Benavidez enfrenta Deiveson Figueiredo pelo cinturão vago dos moscas. Em suas últimas duas lutas, ‘Formiga’ enfrentou justamente ambos. Por isso, o brasileiro sabe que pode ser apontado como próximo desafiante, em caso de triunfo em Brasília. No entanto, em entrevista exclusiva à reportagem da Ag.Fight, o lutador manteve os pés no chão e adiantou que seu foco atualmente só está em Moreno.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Claro, com certeza (foi uma boa decisão tirar o título de Cejudo). A categoria precisava andar e isso foi ótimo para todos os lutadores da divisão. Mas não quero pensar nisso agora (ser o próximo desafiante). Primeiro vou focar na minha luta que é muito importante”, afirmou o brasileiro, que vem de quatro vitórias nas últimas cinco lutas.

Desde 2017 ‘Formiga’ não atua em solo nacional e, segundo ele, é uma motivação ainda maior poder lutar com o apoio da torcida. O atleta sabe que esse incentivo será importante para encarar Moreno, que após uma passagem pelo LFA, em 2019, retornou à organização e vem de triunfo sobre Kai Kara-France e, assim como o lutador da American Top Team, também tem como especialidade a luta de solo, com dez vitórias na carreira dessa maneira.

“É uma grande luta. Um cara que saiu do UFC e retornou. Geralmente quando é assim a gente volta mais motivado, espero um grande confronto. Acho que ele não vai querer se arriscar no chão comigo, pelo menos é o que acho. Mas vamos ver isso no dia da luta, como esse duelo vai ser decidido”, analisou o brasileiro.

‘Formiga’ não deixou de comentar o que espera do duelo entre Benavidez e Deiveson, que decidem quem será o novo rei da categoria dos moscas. Com a experiência de ter encarado os dois, com vitória sobre o compatriota e derrota para o americano, o peso-mosca acredita que o título vai para o Brasil.

“Eu espero uma grande luta entre os dois, meu palpite será uma vitória do Deiveson. Mas quem vencer pode ter certeza que vai ter um batalhão de lutadores correndo atrás dele (risos)”, completou o atleta.

Jussier ‘Formiga’ tem 23 vitórias e seis derrotas como profissional. Desde que migrou em definitivo para a equipe American Top Team, só teve um revés em cinco lutas, diante de Joseph Benavidez. Como representante da academia norte-americana, o potiguar derrotou Ulka Sasaki, Ben Nguyen, Sergio Pettis e Deiveson Figueiredo.

Leia também