Fluminense e Vasco decidem primeiro finalista do Carioca

As semifinais do Campeonato Carioca serão abertas neste sábado com o clássico entre Fluminense e Vasco, que se enfrentam às 19 horas (de Brasília), no Maracanã. Por ter feito melhor campanha na fase de classificação, o Tricolor tem a vantagem do empate para prosseguir na disputa e avançar à decisão.

Curiosamente, a partida envolve os campeões dos dois turnos da competição, já que o Fluminense venceu a Taça Guanabara, enquanto o Vasco venceu o Botafogo na decisão da Taça Rio, por 2 a 0, na semana passada. O desempenho neste jogo, por sinal, serve de modelo para os vascaínos diante do Tricolor.

“O que posso dizer é que a nossa equipe tem consciência de que não pode faltar concentração, jogando de maneira constante na busca pelo gol. O objetivo contra o Botafogo foi conquistado porque conseguimos colocar em prática tudo aquilo que foi treinado ao longo dos dias de trabalho. Agora, temos que, mais uma vez, exigir que isso se repita”, avisou o zagueiro Rodrigo.

Se o Vasco se espelha no jogo contra o Botafogo, o Tricolor vê na vitória por 3 a 0 sobre o Goiás, que rendeu vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, o exemplo de que superação é o mais importante. Mesmo enfrentando uma maratona de jogos, eles garantem que não vão deixar de correr um único segundo contra o time cruz-maltino.

“O Fluminense tem se caracterizado por espírito guerreiro e de entrega, e tenho convicção de que isso não vai mudar, basta olhar o perfil de todo o elenco e do Abel Braga. O torcedor pode esperar superação contra o Vasco e vamos trabalhar muito para nos garantirmos na decisão do Carioca, que é o nosso principal objetivo a partir de agora”, garantiu o zagueiro Henrique.

Esse empenho prometido pelo Fluminense passa, segundo o técnico Abel Braga, por uma postura ofensiva, a fim de mostrar ao rival que não existe time desgastado. “Temos que fazer um jogo legal, atento e buscando o gol. Não vamos pensar em nos defender, pois isso pode acabar nos complicando”, alertou o comandante.

Se o treinador do Fluminense promete um time ofensivo, o jogo será franco e aberto, pois os comandados do técnico Milton Mendes também garantem que buscarão o gol desde os primeiros minutos.

“Vamos trabalhar no sentido de conseguir ter a posse de bola desde o começo para pressionar o adversário em seu campo. O Fluminense tem a vantagem de jogar pelo empate e não pode permitir que isso acabe ditando o ritmo da partida. A ideia é tomar a iniciativa do confronto, independentemente do que o nosso adversário esteja planejando”, analisou o meia Nenê.

Em termos de escalação, o Vasco deve manter a base que derrotou o Botafogo no último fim de semana, embora o treinador Milton Mendes tenha mantido a escalação em sigilo.

Já no Fluminense, Abel Braga pode contar com o retorno do goleiro Diego Cavalieri e do zagueiro Renato Chaves, que cumpriram suspensão contra o Goiás, e reaparecem nas vagas de Júlio César e de Nogueira, respectivamete.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE X VASCO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 22 de abril de 2017 (Sábado)

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

Assistentes: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Diego Luiz Couto Barcelos (RJ)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo; Jefferson Orejuela, Douglas e Junior Sornoza; Wellington Silva, Richarlison e Pedro

Técnico: Abel Braga

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Rafael Marques, Rodrigo e Henrique; Jean, Douglas, Andrezinho, Nenê e Yago Pikachu; Luis Fabiano

Técnico: Milton Mendes