Fluminense terá maratona com seis jogos seguidos longe do Maracanã e longas viagens pela frente

Fluminense se despede do Maracanã com vitória e terá maratona fora (Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense FC)


Paulo Henrique Ganso e Fernando Diniz fizeram um apelo para que a torcida do Fluminense compareça em maior número ao Maracanã nas próximas partidas. Mas esse encontro vai demorar a acontecer novamente. Depois de derrotar o Junior Barranquilla (COL) pela Sul-Americana, o Tricolor terá uma sequência de seis partidas praticamente fora de casa e só volta ao estádio para o clássico com o Flamengo em 29 de maio, pelo Brasileirão.

A maratona de viagens começa no próximo domingo, quando o Flu encara o Palmeiras às 16h no Allianz Parque. Depois, o elenco viaja para Goiás para encarar o Vila Nova no Serra Dourada na quarta-feira, dia 11, às 21h30. A partida em casa seria diante do Athletico-PR em 14 de maio, sábado, mas o plantio da grama de inverno no Maracanã fará com que o duelo seja no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

Veja a tabela da Série A do Brasileirão

A série ainda mais pesada de viagens começa depois dessa parada no Rio de Janeiro. O Fluminense vai até a cidade de Santa Fé, na Argentina, para enfrentar o Unión Santa Fe em duelo decisivo da Sul-Americana dia 19. Depois, pega o avião para Fortaleza para entrar em campo no domingo, 22, e enfrentar o Leão. Por último, fecha a maratona com o confronto com o Oriente Petrolero em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, dia 26.

O reencontro dos tricolores com o Maracanã será apenas no final do mês para o primeiro jogo entre Fluminense e Flamengo após o título tricolor no Campeonato Carioca. O clássico está marcado para 29 de maio, um domingo, às 18h, no Maracanã. Depois disso, o desejo de Fernando Diniz de que os torcedores compareçam em maior número pode se concretizar com partidas mais frequentes em solo carioca.

A questão do público tem sido um problema para o Fluminense, que tem uma média baixa na atual temporada. Diante do Junior Barranquilla, por exemplo, foram pouco mais de 10 mil presentes no Maracanã. No Brasileirão são quase 23 mil diante do Santos e pouco mais de 16 mil contra o Internacional. Desde 2015, a média do Flu está em 14.054 pessoas. A expectativa nessa temporada era melhorar esses números com o retorno do público depois da pandemia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos