Fluminense tem elenco avaliado em cerca de R$ 305 milhões; Nino é o jogador mais valioso do plantel

·2 minuto de leitura


Em ritmo de recuperação financeira, o Fluminense tem economizado em todos os setores. No entanto, o clube investiu em reforços para o elenco. De acordo com portais especializados, o plantel do time profissional é avaliado em 49,05 milhões de euros (aproximadamente R$ 305,47 milhões). Com valores equilibrados em todas as posições, o setor defensivo se destaca no montante.

Nas traves, os três goleiros valem 1,85 milhão de euros (cerca de R$ 11,52 milhões) se somados. O maior valor, evidentemente, é o do titular Marcos Felipe, por 1 milhão (R$ 6,23 milhões). Reserva imediato, Muriel é cotado por 800 mil euros (R$ 4,982 milhões). Por fim, o terceiro arqueiro, João Lopes, vale 50 mil (cerca de R$ 311 mil). Os dados são do site Transfermarkt.

Na defesa, um nome se destaca: Nino tem o valor de mercado em 6 milhões de euros (R$ 37,37 milhões). O campeão olímpico é o atleta mais valioso de todo o elenco do Fluminense. Luccas Claro, companheiro de zaga do camisa 33, é avaliado em 1,20 milhão de euros (R$ 7,47 milhões). Ao todo, o setor acumula 19,25 milhões de euros (R$ 119,88 milhões).

> Confira a classificação da Série A do Brasileiro

Mais à frente, os meias também possuem altas cifras. Em ascensão, Martinelli tem o valor estimado em 2,30 milhões (R$ 14,32 milhões). Yago Felipe, por sua vez, vale 1,40 milhão (R$ 8,72 milhões). Avaliado em 500 mil euros (R$ 3,113 milhões), o jovem André completa a trinca de volantes do técnico Marcão. Nonato, que chegou ao Fluminense no fim de julho, se destaca por 1,80 milhão (R$ 11,21 milhões).

No ataque, os nove jogadores são considerados por 15,75 milhões de euros (R$ 98,09 milhões). Capitão da equipe, o experiente Fred vale somente 750 mil (R$ 4,670 milhões). Na ponta direita, Caio Paulista custa 1,50 milhão de euros (R$ 9,34 milhões) no mercado. Luiz Henrique, que atua nos dois extremos do setor, tem o valor mais alto, por 3,50 milhões de euros (R$ 21,80 milhões). Gabriel Teixeira, na ponta esquerda, equivale a 1,50 milhão de euros (R$ 9,34 milhões).

Reforço contratado no início da temporada, Abel Hernández também chama a atenção na parte ofensiva, por 2,40 milhões de euros (R$ 14,95 milhões). Por outro lado, Bobadilla soma 400 mil euros (R$ 2, 491 milhões). Lucca, que disputa a posição com os demais centroavantes, acumula 700 mil euros (R$ 4,359 milhões).

Embora os recursos não sejam um ponto forte do Fluminense neste momento, o planejamento de elenco conseguiu reunir jogadores experientes e jovens, que resultam em uma combinação valiosa. Ainda que não haja a certeza de quanto cada atleta recebe do clube, é possível afirmar que mesmo com dificuldades financeiras, o Tricolor possui um plantel diferenciado.

*Estagiária sob a supervisão de Hugo Mirandela

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos