Fluminense se irrita com atitude de Matheus Babi e retira oferta; Destino será o Athletico

Lucas Humberto
·1 minuto de leitura

Depois de Borré, mais uma transferência é interrompida após aparente acordo entre todas as partes. Desta vez, a desistência ficou por conta do Fluminense, que se irritou com a postura de Matheus Babi e abriu mão do atacante.

Ainda na semana passada, Babi se reuniu com o Serra Macaense, detentor dos direitos econômicos do atleta, para fechar as tratativas com o Tricolor. As partes afirmaram que restava apenas o acerto com o Glorioso para resolver tudo. Além disso, uma lista de jogadores foi enviada ao Alvinegro, que até se interessou por alguns nomes, mas recuou após repercussão negativa das possível chegadas.

Matheus Babi chegou ao Botafogo ano passado. | Bruna Prado/Getty Images
Matheus Babi chegou ao Botafogo ano passado. | Bruna Prado/Getty Images

Nesta segunda-feira (05), uma reunião entre Babi, Botafogo e Fluminense indicava que a operação seria, finalmente, fechada. Contudo, o Tricolor foi avisado em cima da hora que os representantes do jogador não compareceriam, uma vez que Babi havia mudado de ideia, optando por defender o Athletico-PR. Como consequência imediata, o time carioca informou sua saída definitiva do negócio.

O Furacão ofereceu 1,2 milhão de euros à vista por 60% dos direitos econômicos do jogador. Serra Macaense e Botafogo preferiram encaminhar esta proposta. Vale lembrar que o Fluminense havia acordado pagar 1 milhão de euros por 25% dos direitos do atacante. Contudo, o clube das Laranjeiras pagaria este valor parcelado.

Com informações do UOL Esportes.