Fluminense faz acordo e pagará dívida milionária ao volante Arouca

·1 minuto de leitura


O Fluminense entrou em acordo com Arouca, ex-jogador do tricolor, e terá que pagar uma dívida milionária ao atleta, segundo o "Esporte News Mundo". O clube carioca tem até 2024 para quitar todo o pagamento em 36 parcelas, mas está sujeto a multas em caso de atrasos.

De acordo com os detalhes do proceso homologado pela juíza substituta Taciela Cordeiro Cylleno, da 28ª Vara de Trabalho do Rio do Tribunal Regional do Trabalho, a equipe das Laranjeiras deverá pagar R$ 1.742.000,00 ao veterano.

> Veja a tabela do Brasileirão

O processo estava em tramitação desde 2009, ano em que Arouca deixou o Fluminense. O acordo entre as partes diz o clube não terá prejuízos caso atrase alguma parcela do pagamento após 30 dias corridos. No entanto, caso esse prazo seja ultrapassado, será imposta uma multa de 15% em relação ao valor do último vencimento.

Caso o Fluminense atrase os pagamentos ao jogador por 90 dias, o clube deve pagar as parcelas vencidas com juros e multa sobre o valor total da dívida milionária. Neste caso, o tricolor poderia ter que penhorar bens.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos