Fluminense fará testagem de COVID-19 em atletas e comissão técnica


Até então firma na posição contrária ao retorno do futebol no Rio de Janeiro, o Fluminense informou, nesta sexta-feira, que vai realizar testes de COVID-19 em atletas e funcionários do departamento de futebol. O clube destacou que a medida não significa uma volta aos treinos presenciais, mas sim uma avaliação da possibilidade do retorno adotando medidas de segurança. A testagem se inicia na próxima terça-feira, por um laboratório especializado.

O Tricolor afirma ter realizado uma consultoria com um médico infectologista para obter as orientações aplicáveis. Uma das medidas anunciadas foi a desinfecção de todas as instalações CT Carlos Castilho.

A previsão dos resultados é de uma semana e, neste período, a diretoria vai debater a retomada das atividades presenciais.




Confira o inteiro teor do comunicado:

"O Fluminense Football Club tem, desde o início da pandemia, seguido à risca as orientações dos órgãos governamentais para evitar a proliferação do COVID-19 entre seus atletas, funcionários e, ressalte-se, entre seus torcedores, dado o caráter exemplar que um clube de futebol exerce para muitos.

Neste momento, em que autoridades municipal e estadual sinalizam com a redução das taxas de contaminação e de óbitos, o clube iniciará a testagem de seus atletas e funcionários do departamento de futebol com o objetivo de avaliar a possibilidade de retorno dos treinos presenciais, mantendo protocolos de prevenção - e desde que as autoridades mantenham as permissões e a queda dos índices se mostre consistente. O Fluminense fará consultas formais às secretarias de Saúde do estado e do município.

O clube conta a consultoria profissional de médico infectologista para orientação das medidas que devem ser adotadas no retorno. Além disso, efetuará a sanitização de todas as instalações, que serão utilizadas seguindo o protocolo idealizado pelo departamento médico.

A testagem será realizada na próxima terça-feira, dia 16, por laboratório especializado. Serão utilizados os testes de IGG/IGM e PCR. Os resultados deverão estar prontos em uma semana. Após esse período, o clube decidirá sobre a retomada dos treinos presenciais. Comissão técnica e funcionários de outros departamentos que atuam no departamento de futebol também serão testados."







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também