Fluminense estreia com pé direito na Taça Rio e vence Boavista

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Já classificado para as semifinais do Campeonato Carioca em função de ter sido campeão da Taça Guanabara, o Fluminense poupou titulares na estreia na Taça Rio e venceu o Boavista por 2 a 0, em jogo sonolento, neste domingo, em Bacaxá (RJ).

Os gols foram marcados por Richarlison, em bela jogada individual que contou com a ajuda do experiente goleiro Felipe, ex-Flamengo, e Renato, em bomba com a perna direita.

O Fluminense volta a campo nesta quarta-feira (15), contra o Criciúma, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Como empatou em 1 a 1 fora de casa, um simples 0 a 0 classifica a equipe.

O JOGO

O primeiro tempo de jogo foi muito ruim em Bacaxá. Com times poucos inspirados, a melhor chance aconteceu por parte do Boavista, quando Christiano avançou com velocidade pela ponta esquerda, invadiu a pequena área e tentou cruzamento para Mosquito. Cavalieri foi acionado e precisou sair para buscar a bola.

Diego Cavalieri voltou ao gol do Fluminense após um mês e meio se recuperando de lesão. Durante este período, Júlio César o substituiu com destaque.

O meia Robert, que está emprestado pelo Fluminense, iniciou uma partida como titular pela primeira vez em 2017. O jogador era visto como uma promessa na base tricolor.

Em tempos de modernas arenas, o Eucy Resende traz saudosismo aos torcedores que gostam de um "estádio raíz". A cada gol, o chamado "garoto do placar" precisava alterar os números com as placas.

Cerca de 40 minutos antes da bola rolar, a diretoria do Boavista desembarcou de um helicóptero no gramado do estádio Eucy Resende.

BOAVISTA

Felipe; Lucas Rocha, Anderson Luiz, Gustavo e Christianno (Leandrão); Willian Maranhão, Vitor Faísca (Maicon), Thiaguinho e Fellype Gabriel (Pedro Botelho); Robert e Mosquito. T.: Joel Santana

FLUMINENSE

Diego Cavalieri; Renato, Reginaldo, Nogueira e Marquinhos Calazans; Pierre (Luiz Fernando), Wendel, Marquinho e Marcos Junior; Richarlison (Maranhão) e Lucas Fernandes (Pedro). T.: Abel Braga

Estádio: Eucy Resende, Bacaxá (RJ)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo

Cartões amarelos: Willian Maranhão, Vitor Faísca, Christianno (BOA); Pierre, Richarlison, Wendel, Calazans (FLU)

Cartões vermelhos: Nenhum

Gols: Richarlison, aos 27 minutos do primeiro tempo (FLU); Renato, aos 33 minutos do primeiro tempo (FLU)