Fluminense encontra seu modelo de atuação para a temporada

O Fluminense encontrou seu modelo de atuação para a sequência da temporada. Pelo menos essa é a visão dos jogadores tricolores, que entendem que o time deve tentar se espelhar sempre no segundo tempo diante do Vasco. Isso porque o jogo, válido pelas semifinais do Campeonato Carioca, voltou do intervalo empatado sem gols e terminou com triunfo da equipe das Laranjeiras por 3 a 0.

“Nós tivemos uma atuação quase que perfeita no segundo tempo, quando conseguimos deixar o Vasco acuado em seu campo e sempre saímos em vantagem para o ataque, criando situações de perigo. É muito importante que a gente consiga manter esse nível ao longo do restante da temporada, principalmente porque teremos algumas decisões importantes pela frente e nos próximos jogos todos têm caráter decisivo”, disse o zagueiro Henrique.

O Fluminense tem agora uma semana importante e de decisões. Na quarta-feira decide a sua sorte na Primeira Liga enfrentando o Brasil de Pelotas a partir das 19h30(de Brasília), no Estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita (RJ), pela última rodada da fase de classificação. Depois, no domingo, às 16h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), o choque com o Flamengo pelo confronto primeiro da final do Estadual.

“O Fluminense teve uma grande atuação contra o Vasco e o nosso segundo tempo deve sim servir de exemplo para os próximos jogos, pois conseguimos impor durante o tempo todo o nosso estilo de jogo, sem permitir que o rival, que é qualificado, produzisse algum tipo de reação. Agora vamos trabalhar no sentido de que isso possa se repetir contra o Brasil de Pelotas e depois contra o Flamengo”, disse o atacante Wellington Silva.

O lateral-esquerdo Léo segue a mesma linha de raciocínio.

“Quando se consegue um jogo desses, principalmente no que se refere ao segundo tempo, é preciso pensar bem em tudo o que foi produzido e em tudo o que podemos fazer ao longo deste ano. Chegamos perto daquilo que a gente pretendia e por isso mesmo temos que seguir com o mesmo padrão de qualidade”, disse Léo.

O elenco participou de um trabalho regenerativo nesta segunda-feira e nesta terça-feira os tricolores farão o último treino antes do jogo contra o Brasil de Pelotas, dando início ao período de concentração. O time ainda não está definido, mas de olho na final do Campeonato Carioca é possível que alguns titulares sejam preservados diante dos gaúchos. A escalação deverá ser revelada minutos antes do confronto.