Fluminense e estafe não chegam a acordo e suspendem negociação por renovação de Dodi

Luiza Sá
·1 minuto de leitura


As negociações pela renovação do volante Dodi estão suspensas. Nesta quinta-feira, o estafe do atleta e o Fluminense se encontraram para uma reunião definitiva da negociação, mas não houve acordo. Por isso, as negociações, neste momento, estão encerradas e é improvável que o jogador permaneça no Tricolor em 2021. O vínculo atual é válido apenas até dezembro.

A informação foi dada inicialmente pelo "ge" e confirmada pelo LANCE!. Atualmente, Dodi ganha na casa dos R$ 70 mil por mês na CLT. Depois de mudar a proposta, o Fluminense aceitou dar quatro anos de contrato e um aumento de R$ 150 mil inicialmente, R$ 170 mil no segundo ano, R$ 190 mil no terceiro e R$ 220 mil no quarto. Além disso, o clube pagaria luvas de R$ 1 milhão, diluídos nas remunerações mensais.

Mesmo com a mudança de valores, a proposta ainda era distante do valor pedido pelo estafe de Dodi, que no fim do contrato totalizavam R$ 15 milhões mais comissão. A última oferta chegaria a casa dos R$ 10,5 milhões.

Faltando apenas um dia para o fim do período de inscrições no Campeonato Brasileiro, o Flu perderá uma peça importante de seu elenco. Este será mais um titular que sai da equipe de Odair Hellmann no meio da temporada, assim como Evanilson e Gilberto.

Dodi está no Fluminense desde 2018 e soma 74 jogos e dois gols.