Fluminense cai na Libertadores e frustra semifinal 100% brasileira na Libertadores

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Fluminense empatou com o Barcelona (EQU) por 1 a 1 e foi eliminado da Copa Libertadores na noite desta quinta-feira (19), em Guayaquil, no duelo de volta das quartas de final. Na ida, cariocas e equatorianos haviam empatado em 2 a 2, no Maracanã.

A eliminação tricolor, que se deu pelo critério do gol qualificado, frustra a expectativa de uma semifinal inteiramente brasileira no torneio continental.

A próxima fase da competição colocou Palmeiras e Atlético-MG frente a frente por uma vaga na final -o time alviverde é o atual campeão da América. No outro lado da chave, o Flamengo esperava pela definição de seu adversário, que será o Barcelona.

Por ter feito melhor campanha na fase de grupos, o clube do Equador fará a segunda partida da semifinal em sua casa.

O gol que abriu o placar foi marcado aos 27 minutos do segundo tempo. Hoyos lançou por cima da defesa tricolor, Mastriani dominou cara a cara com Marcos Felipe e bateu na saída do goleiro. No último minuto da partida, o time brasileiro teve um pênalti a seu favor, assinalado com ajuda do VAR, e Fred converteu. O empate, porém, foi insuficiente para a classificação.

Eliminado da Libertadores, o Fluminense ainda tem a disputa da Copa do Brasil. Classificado para as quartas de final do torneio nacional, encara o Atlético-MG. Os cariocas, contudo, precisam ficar atentos ao Campeonato Brasileiro.

No Nacional, a equipe vem de quatro derrotas consecutivas e ocupa apenas a 15ª colocação, com 17 pontos. O Sport, primeiro clube na zona de rebaixamento, tem 15.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos