Fluminense busca confirmar vaga na Libertadores contra o Ceará; veja o cenário

Fluminense está na fase de grupos da Copa Libertadores 2023 (MARCELO GONÇALVES / FLUMINENSE FC)


O objetivo do Fluminense está cada vez mais próximo na temporada. Nesta segunda-feira, o Tricolor pode confirmar sua presença na Copa Libertadores de 2023. Mas para isso precisa vencer o Ceará, às 20h, na Arena Castelão, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o título do Flamengo na Copa Libertadores e Copa do Brasil, a competição passa a ter G8 e facilita as coisas para os cariocas.

Com G8 do Brasileiro definido, a conta ficou mais simples para garantir a vaga para Libertadores. O Fluminense só precisa vencer o Ceará, nesta segunda-feira – ou qualquer jogo restante. O Tricolor chegaria a 61 pontos e não será mais alcançado pelo 9° colocado, que vai a 60, no máximo.

Caso saia com os três pontos, o Fluminense vai à Libertadores, mas não confirma vaga direta na fase de grupos da competição, o que é meta para o Fluminense. Para confirmar isso, é preciso ganhar mais seis pontos ao longo das próximas partidas. Em lançamento da candidatura na última terça-feira, o presidente Mário Bittencourt ressaltou que o objetivo não é somente chegar à Libertadores, mas ficar entre os quatro primeiros colocados.

– Primeiramente temos que nos classificar para a Libertadores, estamos bastante determinados a isso. Faltam cinco jogos, precisamos performar neles, não só para ir à fase de grupos, mas também para melhorar nossa colocação. Objetivo é chegar entre os quatro primeiros, o que aumenta nossa premiação. Somos um clube que precisa de recursos ainda. Acho que a gente tem uma boa base, um bom time, que ficou esse ano nas primeiras posições do Brasileiro por um longo período e fomos até às semifinais da Copa do Brasil. Vamos reforçar, sim, o time se classificarmos para a Libertadores. Eu creio que a gente vai trazer de três a quatro reforços pontuais, de posições que a gente entende que precisa melhorar, que está carente.

+ VEJA A TABELA DO BRASILEIRÃO

RETROSPECTO NA COMPETIÇÃO

O Fluminense tem oito participações em Libertadores na história. A primeira foi em 1971, quando caiu na fase de grupos, assim como em 1985. A melhor campanha foi em 2008, quando o Tricolor perdeu para a LDU (EQU) na final. Em 2011, queda nas quartas para o Libertad (PAR). Já 2012 e 2013 foram de eliminações nas quartas para Boca Juniors (ARG) e Olimpia (PAR), respectivamente.

Em 2021, surpresa, de certa forma, ao chegar até as quartas de final, quando caiu para o Barcelona de Guayaquil (EQU) com dois empates. Já em 2022, decepção: queda ainda na terceira fase para o Olimpia (PAR) nos pênaltis, mesmo depois de conquistar a vantagem de 3 a 1 em casa.