Fluminense apela à lei do ex para empatar com o Corinthians

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com um jogador a mais, o Corinthians sofreu o empate por 1 a 1 neste domingo (27), no estádio São Januário, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante da equipe tricolor Abel foi expulso no começo da etapa final, mas o time paulista criou poucas oportunidades para buscar a sua segunda vitória seguida - algo que ainda não aconteceu neste Nacional.

Em sete partidas, o Fluminense tem dez pontos, e o Corinthians contabiliza nove pontos.

O duelo foi no São Januário onde o Corinthians tem se sobressaído e não perde há oito partidas, desde 2010 quando foi superado pelo Vasco por 2 a 0. Deste então derrotou os vascaínos em duas ocasiões e empatou quatro vezes, além de ganhar do Botafogo e empatado com o Fluminense neste domingo. A partida foi transferida para lá porque o Maracanã passa por uma troca no gramado.

O Fluminense teve pouco mais de posse de bola e finalizou por mais vezes no primeiro tempo. Mas o Corinthians conta com a boa fase do atacante Gustavo Mosquito. Aos 34 minutos, ele recebeu de Xavier, invadiu a área e foi derrubado por Luccas Claro. Jô converteu o pênalti, aos 37, e abriu o placar.

Esse foi o quinto gol de Jô na atual temporada. Na quinta-feira (24) pela rodada anterior, o centroavante havia feito o gol da vitória corintiana sobre o Sport por 2 a 1.

Gustavo Mosquito, 23, vai se firmando entre os principais atletas do Corinthians com o técnico Sylvinho. Dos seis últimos gols da equipe alvinegra, o atacante participou de quatro deles, com duas assistências e dois pênaltis sofridos.

Os dois times voltaram do intervalo com a mesma formação, mas logo o Fluminense ficou com um jogador a menos. Aos quatro minutos, Abel Hernández recebeu o cartão vermelho direto depois de acertar a trava das chuteiras na canela de Gabriel.

Quando a partida caminhava para uma vitória do Corinthians, o Fluminense ganhou outra dinâmica com a entrada do atacante Bobadilla no lugar de Yago Felipe e recorreu à chamada "lei do ex" para empatar com Cazares. Aos 24 minutos, o ala esquerdo Egídio levantou a bola na área, e Cazares mandou de cabeça. Cássio, ainda, tocou na bola antes dela balançar a rede.

O Fluminense cresceu na partida. Bobadilla chegou a marcar outro gol, mas foi anulado por causa de um impedimento. Nos minutos finais, o Corinthians tentou pressionar os adversários. Nos acréscimos, Jô ajeitou a bola para Roni encher o pé, e o goleiro Marcos Felipe encaixou a bola.

FLUMINENSE

Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Egídio; Yago (Bobadilla), Martinelli (André), Gabriel Teixeira (Luiz Henrique), PH Ganso (Wellington) e Cazares (Kaiky); Abel Hernández. Técnico: Roger Machado.

CORINTHIANS

Cássio; Fágner, João Vitor, Gil e Lucas Piton; Xavier (Cantillo), Gabriel (Roni), Araos (Mateus Vital) e Vitinho; Gustavo Silva (Adson) e Jô. Técnico: Sylvinho.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 X 1 CORINTHIANS

Motivo: 7ª rodada do Campeonato Brasileiro - Série A

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Hora: 16h (horário de Brasília)

Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)

Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Júnior, ambos do DF

VAR: Daniel Nober Bins (RS)

Cartões Amarelo: Luccas Claro, Danilo Barcelos, André (FLU); Araos (COR)

Cartão vermelho: Abel Hernández (FLU).

Gols: Jô, do Corinthians aos 35 minutos do primeiro tempo; e Cazares, do Fluminense, aos 24 minutos do segundo tempo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos