Flamengo reavaliará carências do elenco antes de voltar ao mercado

·1 min de leitura
Paulo Sousa ao lado de Marcos Braz e Bruno Spindel, homens-fortes do futebol do Fla (Foto: Gilvan de Souza / CRF)


Com a janela de transferências fechada até 18 de julho, o Flamengo tem tempo para reavaliar as necessidades do elenco e, mais à frente, buscar os jogadores necessários. Na primeira janela, a diretoria contratou cinco jogadores, atendeu a pedidos de Paulo Sousa, mas não todos. Os "reforços" que o técnico Paulo Sousa está prestes a ganhar, recuperados de lesões, serão um dos elementos levados em consideração na análise do departamento de futebol rubro-negro.

Flamengo chega a 26 contratações na gestão do presidente Rodolfo Landim

Com 17 saídas - relembre os nomes aqui - e as contratações de Fabrício Bruno, Pablo, Marinho, Ayrton Lucas e Santos, o saldo da primeira janela é avaliado como positivo no clube, que gastou cerca de R$ 56 milhões com esses atletas, embora não tenha ocorrido a contratação de um volante, como o técnico Paulo Sousa havia solicitado ainda antes de iniciar os trabalhos no Ninho do Urubu.

Entre os reforços, Pablo e Ayrton Lucas ainda não estrearam pelo clube. Além deles, a reabilitação de Rodrigo Caio, que também não atuou neste ano, e as recuperações de outros jogadores, especialmente do setor defensivo, geram a expectativa para Paulo Sousa trabalhar com mais opções e desenvolver o time. Com estes atletas à disposição, o técnico e a direção farão nova avaliação das carências e, a partir disso, buscar novas alternativas no mercado, se necessário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos