Flamengo pretende denunciar Corinthians

Goal.com
Timão disse que corte do lateral foi decisão da CBF e ainda citou recuperações anteriores antes do prazo estipulado

Corinthians emite nota com laudo médico de Fagner, que será titular contra o Flamengo

Timão disse que corte do lateral foi decisão da CBF e ainda citou recuperações anteriores antes do prazo estipulado

O retorno de Fagner aos treinos agitou os torcedores do Corinthians e ligou um sinal de alerta no Flamengo. À véspera do primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, o clube Rubro-Negro cogita a ideia de denunciar o Timão caso o lateral seja escalado para o jogo desta quarta-feira (12), no Maracanã.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Os cariocas estão incomodados, uma vez que perdeu um de seus principais jogadores (Lucas Paquetá) para os amistosos em solo americano e viu o adversário com a possibilidade de ter o convocado Fagner em campo - foi desconvocado devido a lesão.

De acordo com Eduardo Carlezzo, advogado especialista em direito internacional, o Flamengo teria que denunciar a possível escalação irregular para a Comissão Disciplinar da Fifa.

"Esse assunto recai exclusivamente na competência da Comissão Disciplinar da Fifa. O Corinthians estaria descumprindo um regulamento da Fifa. Portanto, o protocolo é fazer uma denúncia à Comissão Disciplinar da Fifa. Caso a denúncia seja feita ao STJD, dificilmente o órgão no Brasil se dirá competentente para analisar a questão", afirmou Carlezzo, ao “Redação SporTV”.

"O que o Flamengo pode alegar é que a lesão não era tão grave. Teria que fazer produção de prova mais técnica, prova médica, para mostrar que, na realidade, o laudo estava incompleto. Que realmente superestimou a lesão com finalidade de liberá-lo para jogar. Vai depender de o Flamengo produzir esse laudo. Mas é uma prova difícil de obter, visto que o Fagner é um jogador do Corinthians", completou.

 O clube alega que o jogador não poderia defender o Corinthians pois fora convocado para os amistosos da seleção brasileira contra Estados Unidos e El Salvador. Mesmo tendo sido cortado da lista de Tite, Fagner não poderia entrar em campo pelo Timão até cinco dias após o amistoso desta terça (11).

A CBF também entende que Fagner pode atuar na Copa do Brasil nesta quarta. A entidade avalia que, como o jogador foi desconvocado, a sanção imposta pelo regulamento da Fifa não se aplica a ele.  

Leia mais: 
–  Engenheiro boliviano afirma ter inventado o VAR em 2004
–  Apito Inicial #3: Gabigol artilheiro do Brasil?
–  Brasileiro coloca ciclismo no radar para Tóquio-2020

Leia também