Flamengo pode poupar alguns titulares na final do Carioca

O Flamengo está enfrentando uma maratona de jogos decisivos, que vai se estender por quase todo o mês de maio. Na noite de quarta-feira a derrota de 2 a 1 para o Atlético-PR, no Paraná, tornou ainda mais decisivo os dois confrontos finais pela fase de grupos da Copa Libertadores. Em meio a esse processo ainda tem a decisão do Campeonato Carioca e a estreia na Copa do Brasil.

Nos dois próximos domingos, às 16h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), o Flamengo encara o Fluminense pela decisão do Campeonato Carioca. Na quarta-feira da próxima semana tem choque com a Universidad Católica, também no Rio, pela Copa Libertadores. A partir de 10 de maio a estreia na Copa do Brasil contra o Atlético-GO. Este cenário pode fazer com que o técnico Zé Ricardo opte por preservar alguns titulares no duelo do próximo domingo pelo Estadual.

“Nós precisamos analisar o estado físico dos jogadores para depois tomarmos uma decisão. O Flamengo tem um elenco qualificado, que foi montado para poder suportar todas essas competições que nós teremos pela frente. Portanto, acredito que podemos trabalhar pensando em usar todo esse plantel. Vamos ver quem está bem para jogar no domingo e até mesmo para suportar a sequência de partidas”, disse Zé Ricardo.

O treinador vem perdendo jogadores importantes por conta de lesão. O meia Diego, com problema no joelho direito, só volta no fim do mês. O zagueiro argentino Alejandro Donatti, com dores musculares nas duas coxas, e o meia Everton, que sofreu entorse no tornozelo direito, não tiveram condições de enfrentar o Furacão e serão reavaliados. Os problemas se juntam a outros casos pontuais, como o do atacante colombiano Orlando Berrío, que vem cumprindo suspensão na Copa Libertadores e só poderá voltar na última rodada da fase de grupos, diante do San Lorenzo, na Argentina.

“Logicamente que a gente nunca gosta de perder jogadores, seja por motivo de lesão ou de suspensão. Mas é algo que infelizmente foge do nosso controle e que vem acontecendo com vários clubes. O importante é sempre levantar a cabeça e procurar as alternativas dentro do plantel para trabalhar a equipe da melhor maneira possível. Temos um elenco qualificado como venho falando”, disse Zé Ricardo.

O elenco retornou no fim da manhã de Curitiba e os jogadores foram liberados em seguida. Nesta manhã de sexta-feira acontece um treino que vai ser decisivo para a definição das peças que serão relacionadas para a grande decisão.