Flamengo opta por privacidade e fecha luxuoso hotel para servir de base no Mundial; conheça a logística do clube

O Flamengo tem a logística definida para o Mundial de Clubes, que será disputado entre os dias 1º e 11 de fevereiro, no Marrocos. A delegação rubro-negra terá sua base na cidade de Bouznika, onde a diretoria reservou um luxuoso hotel à beira-mar, o qual será exclusivo ao departamento de futebol do clube entre os dias 2 e 12. A opção foi levando em conta as questões logísticas e de privacidade.

O Flamengo embarcará no Rio de Janeiro, rumo ao Marrocos, na noite do dia 2 de fevereiro. Assim, a última partida do time de Vítor Pereira antes do Mundial de Clubes será contra o Boavista, no Maracanã, no dia 1º. Atletas e membros do departamento futebol ficarão no Vichy Célestins Spa Hotel, que fica localizado entre as cidades de Casablanca e Rabat, às margens do Oceano Atlântico.

Leia também:

A escolha do hotel do Flamengo foi inicialmente publicada pelo "ge" e confirmada pelo LANCE!.

Esta será a base do Flamengo no Marrocos. Vítor Pereira comandará as atividades no centro de treinamento do FUS Rabat, que está a 39 quilômetros do hotel. É um trajeto de cerca de 40 minutos, que será realizado até o dia 6 de fevereiro, véspera da semifinal do Mundial de Clubes. A delegação irá para Tanger após este último treino em Rabat. A viagem, de avião, dura por volta de 60 minutos.

Os jogadores e comissão técnica retornam à capital imediatamente após a partida. O duelo entre o anfitrião Wydad Casablanca e o Al Hilal, da Arábia Saudita, definirá o adversário do Fla na semifinal.

Em Tanger, o Flamengo não ficará em um hotel exclusivo, mas terá privacidade, com um setor do local reservado apenas para jogadores, comissão técnica e demais membros do futebol do clube.

Independentemente do resultado, a programação do Flamengo a partir da semifinal seguirá a mesma. A grande decisão e a disputa do terceiro e quarto lugar do Mundial de Clubes serão no dia 11 de fevereiro, em Rabat, às 16h30 e 20h (12h30 e 16h de Brasília), respectivamente.

O luxuoso hotel que o Flamengo ficará em Rabat (Foto: Divulgação)
O luxuoso hotel que o Flamengo ficará em Rabat (Foto: Divulgação)

O Vichy Celestins conta com 130 quartos e/ou suítes e dois restaurantes. São 3200 metros quadrados do Spa que oferece aos hóspedes uma série de serviços e conta com duas piscinas externas, uma piscina interna com água do mar aquecida, academia de ginástica e outros espaços comuns. O local conta com um campo de golfe de 18 buracos que se estende por mais de 500 hectares, além de quadras de tênis e auditórios. As diárias no hotel custam a partir de R$ 1,3 mil.

Confira a programação do Flamengo para o Mundial de Clubes:

2 de fevereiro
- Delegação embarca, no Rio de Janeiro, rumo à capital Rabat

6 de fevereiro - Elenco deixa Rabat e viaja para Tanger

7 de fevereiro - Semifinal do Mundial de Clubes, em Tanger, e retorno para Rabat

11 de fevereiro - Jogo (final ou disputa do terceiro lugar) em Rabat

12 de fevereiro - Retorno para o Rio de Janeiro