Flamengo negocia contrato de patrocínio master com empresa global


A diretoria do Flamengo tem negociações avançadas com a Amazon, empresa transnacional avaliada entre as mais valiosas do mundo, para um contrato de patrocínio master. O presidente Rodolfo Landim, além do VP de Comunicação Gustavo Oliveira, tem participado diretamente das tratativas com a Amazon.

A informação foi inicialmente publicado pelo jornalista "Paparazzo Rubro-Negro". Oficialmente, o clube da Gávea não se posiciona sobre o assunto. Segundo a publicação, os valores do negócio são superiores aos R$ 30 milhões.

Atualmente, o espaço mais nobre do uniforme rubro-negro é estampado com a marca do Banco BS2, que paga R$ 15 milhões anuais pela exposição, além de um valor relativo às contas abertas. Caso o acordo com a Amazon seja fechado, a marca do banco deve ser reposicionada na camisa. As mangas estão livres.

Fundada em 1994 por Jeff Bezos, em Seattle, nos Estados Unidos, a Amazon começou como uma startup que vendia livros usados. O crescimento foi exponencial e, já em 1997, a empresa atuava em diferentes cidades americanas e as ações alcançaram um valor de 54 milhões de dólares na bolsa americana.

No início de 2019, a gigante do comércio eletrônico tornou-se a empresa mais valiosa do mundo, com um valor estimado em 797 bilhões de dólares.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também