Flamengo impressiona responsáveis e recebe aprovação para outros jogos no Maracanã

O Flamengo teve os seus esforços para reabrir o Maracanã compensados com a noite de gala vivida no estádio mais famoso do futebol brasileiro. A vitória por 4 a 0 sobre o San Lorenzo na estreia da Libertadores e a festa da torcida no estádio deixaram a sensação de que o Rubro-Negro não pode ficar sem o Maraca e vice e versa.

A diretoria do Flamengo investiu cerca de 2 milhões de reais, segundo informações do portal Uol, para contar com o estádio na última quarta-feira, a renda da partida ficou em R$ 3.688.482,50, o que dá ao clube a possibilidade de recuperar o valor investido e ficar com uma quantia de pelos 500 mil reais.

Diego Ribas Willian Arao Flamengo San Lorenzo Libertadores 08032017


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Mais do que não levar prejuízo mesmo tendo que investir para que o Maracanã estivesse em condições de receber o jogo, o Flamengo deu um passo importante num momento em que se discute o futuro da administração do estádio.

A Odebrecht, atual administradora, teve boa parte dos seus problemas resolvidos já que o Flamengo cuidou da manutenção. O Comitê Olímpico, que recebeu ordem judificial para pagar raparos no Maracanã, teve seus custos reduzios já que o Rubro-Negro adiantou grande parte do trabalho.

VEJA TAMBÉM:
Todos os gols de Ney em 2016/17 | CR7 perdeu milagre do Barça | Piqué aposta em bebês

Para os Rubro-Negros, a decisão de deixar o Flamengo assumir os custos para que o Maracanã tivesse em condições de receber a partida contra o San Lorenzo foi uma prova de que o clube pode cuidar perfeitamente do estádio, já as empresas envolvidas ficaram impressionadas com o resultado.

Com o jogo contra o Atlético-PR agendado para o dia 12 de abril, no Rio de Janeiro, o Flamengo vê a possibilidade de discutir um acordo para que a partida também seja realizada no Maracanã. As outras partes envolvidas também se mostraram bastante interessadas no regresso do Rubro-Negro ao estádio. 

Otimista em relação as futuras negociações, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello falou com o orgulho sobre a relação do clube com o estádio.

"O resultado foi fantástico. O Maracanã é a casa do Flamengo. Está provado para todo mundo que o Flamengo sabe administrar um estádio, sabe administrar o Maracanã. Vamos torcer por um final feliz nessa situação. Não imagino uma solução que não passe pelo Flamengo".