Flamengo fecha acordo com mãe de Rykelmo, vítima do incêndio do Ninho do Urubu

·1 min de leitura


O Flamengo entrou em acordo com Dona Rosana, mãe de Rykelmo, um dos 10 jovens das divisões de base do clube vitimadas pelo incêndio que atingiu o Ninho do Urubu, em 8 de fevereiro de 2019. Em contato com o L!, Rodrigo Dunshee, VP Geral e Jurídico, confirmou que a ação contra o clube foi retirada.

Dona Rosana havia sido a única a acionar a Justiça contra o Flamengo no caso. O clube já havia entrado em acordo com o pai de Rykelmo, assim como com outras 24 famílias das vítimas fatais e feridos no incêndio do Ninho do Urubu.

Hoje, a família de Christian Esmério é a que ainda tem situação não resolvida com o Flamengo. O incêndio no Ninho do Urubu completará três anos em 8 de fevereiro de 2022.

Em maio de 2021, o juiz Marcos Augusto Ramos Peixoto, da 36ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, recebeu a denúncia contra oito dos 11 denunciados pelo Ministério Público, de janeiro, incluindo o ex-presidente Eduardo Bandeira de Mello.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos