Flamengo está perto de ser hexa ou hepta do Brasileirão? Título de 1987 ainda gera discussão

Atacante tocou a taça durante a entrada em campo, antes da bola rolar para Flamengo e River; internautas não perdoam
Atacante tocou a taça durante a entrada em campo, antes da bola rolar para Flamengo e River; internautas não perdoam

O Flamengo está muito próximo de se consagrar o campeão brasileiro de 2019. Porém, o título deste ano seria o sexto ou o sétimo do Rubro-negro? A dúvida está por conta do sempre polêmico título de 1987.

Em março de 2018, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgou o caso e decretou o Sport como único campeão brasileiro de 1987. Decisão que não é aceita de forma alguma pelos flamenguistas. Porém, respeitando a decisão jurídica, o Flamengo deveria ser tratado como hexacampeão em 2019.

A CBF, entretanto, quer evitar atritos dos dois lados, já que haveria um desgate muito grande com a maior torcida do país se o time não for tratado como heptacampeão. E quem deve que sejam válidos os sete títulos flamenguistas levam em consideração um documento de 2011 da própria CBF que definiu tanto Sport quanto Flamengo como campeões de 87.

A saída que a confederação vê como mais razuável, segundo o UOL, é adotar apenas "campeão brasileiro de 2019", sem estipular a exata quantidade de títulos em caso de mais uma conquista rubro-negra. As outras cinco vezes que o Flamengo foi campeão nacional foram em 1980, 1982, 1983, 1992 e 2009.

Com 81 pontos, o Flamengo pode ser campeão brasileiro sem entrar em campo neste final de semana. Para isso, o Palmeiras não pode vencer o Grêmio no domingo.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também