Flamengo e Vasco se reúnem com Bolsonaro por volta do futebol

Yahoo Esportes
Bolsonaro recebeu camisa nova de Rodolfo Landim, presidente do Flamengo (Reprodução)
Bolsonaro recebeu camisa nova de Rodolfo Landim, presidente do Flamengo (Reprodução)

Os presidentes de Flamengo e Vasco, Rodolfo Landim e Alexandre Campello, respectivamente, se reuniram com o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) e o governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha (MDB) nesta terça (19) em Brasília para discutir o retorno do futebol após a parada por causa da pandemia do novo coronavírus.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Durante a reunião, os presidentes dos clubes e o governador do Distrito Federal conversaram sobre a possibilidade de sediar treinamentos na capital federal, já que a Prefeitura do Rio de Janeiro não permite que os times treinem em suas sedes.

Leia também:

No início do mês, Flamengo e Vasco assinaram um documento junto com a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e outros clubes do estadual carioca - menos Botafogo e Fluminense - pedindo que pudessem retornar aos treinos, mas a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro barrou a iniciativa.

Também no início do mês, no dia 4, o funcionário mais antigo do Flamengo, Jorginho, morreu vítima de Covid-19 aos 68 anos. O massagista trabalhava no clube há 40 anos e contribuiu com a Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2002. Ele passou duas semanas entubado e faleceu após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Na última segunda (18), o Flamengo recebeu seus jogadores no CT Ninho do Urubu para uma bateria de treinos e avaliações médicas. O clube deixa claro que “seguiu as medidas de higiene e distanciamento” e que não houve nenhuma espécie de treino.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também