Flamengo demite técnico espanhol Domènec Torrent

·1 minuto de leitura
Domenec Torrent não resistiu após as duas goleadas sofridas no Campeonato Brasileiro, para o São Paulo e o Atlético-MG
Domenec Torrent não resistiu após as duas goleadas sofridas no Campeonato Brasileiro, para o São Paulo e o Atlético-MG

O técnico espanhol Domènec Torrent deixou o comando do Flamengo, atual campeão brasileiro e da Copa Libertadores, depois de sofrer duas goleadas no Campeonato Brasileiro, informou o clube carioca nesta segunda-feira.

"O Clube de Regatas do Flamengo informa que Domènec Torrent e sua comissão técnica não comandam mais o time principal do clube", indicou o time carioca em sua conta no Twitter.

A aventura do técnico catalão no Brasil durou apenas quatro meses após ser oficialmente designado para o cargo no final de julho, substituindo o consagrado Jorge Jesus, que com o Flamengo alcançou cinco títulos em treze meses, além de ter sido vice-campeão no Mundial de Clubes. 

Domènec chegou ao Rio de Janeiro alimentando expectativas depois de ter sido auxiliar de Pep Guardiola durante uma década no Barcelona, Bayern de Munique e Manchester City. 

Mas sob seu comando o Flamengo sofreu sua pior goleada internacional, um 5-0 diante do Independiente del Valle em Quito pela fase de grupos da Libertadores.

Além disso, nas duas últimas partidas pelo campeonato brasileiro, o time carioca foi derrotado por dois adversários diretos: 4-1 contra o São Paulo e 4-0 contra o Atlético Mineiro no domingo. 

Apesar dos fortes reveses, Torrent, de 58 anos, deixa o clube rubro-negro a um ponto do líder Internacional de Porto Alegre, e tendo garantido a classificação para a segunda fase da Libertadores e as quartas de final da Copa do Brasil. 

O Flamengo enfrenta o São Paulo na quarta-feira por esse torneio. A equipe será comandada nesse jogo pelo técnico da equipe Sub-20, Maurício Souza.

raa/cl/aam