Flamengo aumenta confiança para final com atuações de ‘reservas’

O Flamengo atravessa um grande momento nas competições que está disputando. Na Primeira Liga, classificou-se sem maiores sustos para as quartas de final. Na Copa Libertadores, bateu a Universidad Católica, do Chile, por 3 a 1 na noite de quarta-feira e encaminhou seu lugar nas oitavas de final. No Campeonato Carioca, derrotou o Fluminense por 1 a 0 na primeira partida da final e agora precisa de um simples empate para ser campeão no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Ainda este ano tem a Copa do Brasil. A estreia será contra o Atlético-GO na próxima semana.

Porém, o foco é mesmo a finalíssima do Campeonato Carioca e um fator está ajudando e mantendo os flamenguistas otimistas. Trata-se de bom desempenho dos atletas que são chamados a entrar no decorrer dos jogos. Contra a Católica, por exemplo, o lateral direito Rodinei foi acionado e marcou o primeiro gol dos cariocas, tendo inclusive uma atuação capaz de mudar a maneira de jogar da equipe. O lateral esquerdo Renê é outro que vem dando conta do recado, liberado inclusive o peruano Miguel Trauco, em algumas ocasiões, para atuar na criação de jogadas, já que Diego está entregue ao departamento médico.

“Sabemos que temos um grupo qualificado e que foi montado justamente para que a gente pudesse disputar em grande nível as competições. No domingo temos uma decisão e esse tipo de realidade nos deixa mais confiantes”, disse o técnico Zé Ricardo.

Os jogadores compartilham deste otimismo.

“O Flamengo tem um grupo muito forte e um jogador acaba apoiando o outro, pois sabe que pode entrar a qualquer momento e que vai precisar ser apoiado quando isso acontecer”, avisou o lateral direito Pará, que inclusive foi advertido com cartão amarelo contra a Católica e agora terá que cumprir suspensão na rodada final da fase de grupos da Libertadores, na Argentina, diante do San Lorenzo.

O elenco do Flamengo participou de um trabalho regenerativo nesta quinta-feira e o plantel volta a trabalhar nesta sexta-feira à tarde no Ninho do Urubu, quando Zé Ricardo vai definir a escalação para a final.