Flamengo admite 'permanência encaminhada' de Varela e não tem posição como prioridade no mercado

O lateral-direito Varela em pré-temporada pelo Flamengo (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)


Com contrato até maio com o Flamengo, Guillermo Varela tem tudo acertado para ser contratado em definitivo no clube até 2027. A diretoria da Gávea tem um acerto com o jogador - que hoje ainda pertence ao Dínamo Moscou -, que pode iniciar a temporada como titular de Vítor Pereira. A concorrência é com Matheuzinho, de 22 anos, formado nas divisões de base do Ninho do Urubu.

+ Vaivém do LANCE!: confira as transferências de todos clubes brasileiros no Mercado da Bola

- Ele já pode assinar um pré-contrato e está tudo bem encaminhado para que isso seja feito e num futuro próximo a gente finalize para ele ficar em definitivo no Flamengo - confirmou Bruno Spindel, diretor de futebol do clube, em entrevista após a apresentação do técnico português Vítor Pereira.

Mesmo após a saída de Rodinei, cujo contrato se encerrou em dezembro e hoje está no Olympiacos (GRE), o departamento de futebol não trata com urgência a chegada de um lateral-direito. Após poucas oportunidades em seu primeiro semestre com a camisa do Flamengo, a expectativa é por um desempenho seguro de Varela, que o confirme como nome importante no Rubro-Negro. Aos 29 anos, o camisa 2 terminou a Copa do Mundo do Qatar como o lateral titular da seleção do Uruguai.

Como política, a diretoria não "fecha as portas" para novas contratações. Se entender que há uma oportunidade de mercado para reforçar o elenco profissional, o departamento de futebol do Flamengo pode buscar, sim, um atleta para concorrer à vaga com Guillermo Varela e Matheuzinho.