Filipe Toledo, Ítalo e Chumbinho vencem na estreia em Margaret River

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 22-12-2019 O surfista Ítalo Ferreira. (Foto: Bruno Santos/ Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 22-12-2019 O surfista Ítalo Ferreira. (Foto: Bruno Santos/ Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Filipe Toledo, Ítalo Ferreira e João Chianca, o Chumbinho, estrearam, nesta sexta-feira (29), com vitória na etapa de Margaret River (Austrália) do Circuito Mundial de Surfe. Com isso, eles avançaram direto para a terceira fase da competição disputada nas ondas de Main Break. Outros cinco representantes do Brasil continuam vivos na disputa masculina, mas terão que disputar a repescagem. As informações são da Agência Brasil.

Filipe Toledo foi o primeiro brasileiro a garantir a classificação. Usando a lycra amarela de líder do circuito mundial, ele foi muito bem nas ondas de mais de três metros de altura de Main Break somando 13 pontos e superando os australianos Owen Wright (9,63 pontos) e Jack Thomas (6,90).

Depois foi a vez do campeão olímpico Ítalo Ferreira brilhar. Ele somou 14,17 pontos para bater o norte-americano Jake Marshall (13,26) e o também brasileiro Jadson Andre (6,17), que foi para a repescagem.

Na décima bateria João Chianca começou bem, manobrando forte de frontside nas direitas de Main Break e levou a bateria por 12,43 pontos, sendo seguido pelo norte-americano Kolohe Andino (11.87). Com 6,27, Miguel Pupo ficou em terceiro e está na repescagem.

Além de Jadson André e Miguel Pupo, o Brasil terá na repescagem Samuel Pupo, Deivid Silva e Caio Ibelli.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos