Filho de LeBron James sai correndo de jogo em escola após gritos de arma em ginásio

Bronny James viveu momentos de extrema tensão na última semana (CHRISTIAN PETERSEN / AFP)


Filho do astro da NBA LeBron James, Bronny James viveu momentos de apreensão no último sábado, quando disputava uma partida entre sua escola, a Sierra Canyon, contra o Ensino Médio da DeMatha. Uma briga eclodiu na arquibancada e um grito de "arma" fez com que todos tentassem sair correndo da quadra, inclusive o filho do jogador do Los Angeles Lakers.

+ Pogba também está fora: 30 jogadores que preocupam para a Copa ou vão perder a competição

A partida de basquete aconteceu no ginásio da Wise High School, em Maryland, e não foi retomada após a confusão. A polícia verificou a arena após o incidente e não encontrou armas, conforme havia sido informado à Sky Sports, enquanto a empresa que organizou o evento — Paragon Marketing Group — cancelou a agenda do dia seguinte como forma de precaução.

+ Lakers bate Nuggets e vence a primeira na temporada

Bronny, que perdia a partida por 52 a 51 quando a confusão interrompeu o jogo, se pronunciou por meio de seu Instagram e reclamou da falta de segurança até mesmo em um ginásio de Ensino Médio.

- Estudantes de Ensino Médio não podem nem jogar basquete em paz hoje em dia - disparou.

+ Myles Turner faz lobby por troca para o Lakers

A polícia de Maryland não deu maiores detalhes sobre quem estaria portando uma arma de fogo durante o jogo de basquete, e imagens da confusão mostram o desespero do público ao tentar sair correndo do ginásio.

+ Ben Simmons: “Nets pode ser o melhor time da NBA”

O futuro de Bronny James tem chamado atenção ultimamente, já que seu pai demonstrou a ambição de jogar no mesmo time que o filho no futuro. Com 18 anos completados em outubro, o jogador estará elegível para participar do Draft da NBA a partir de 2024.