Filha de Ayew se sentiu mal após pênalti perdido e foi levada a hospital

André Ayew desperdiçou pênalti de Gana contra o Uruguai (Foto: Clive Mason/Getty Images)
André Ayew desperdiçou pênalti de Gana contra o Uruguai (Foto: Clive Mason/Getty Images)

O pênalti desperdiçado por André Ayew, de Gana, contra o Uruguai, foi um baque nas expectativas do time, que esperava dar o troco na eliminação da Copa do Mundo de 2010. Não deu certo. O goleiro Sergio Rochet fez a defesa, Arrascaeta fez dois gols e as duas seleções saíram do torneio ainda na fase de grupos.

Ayew, por outro lado, é um dos poucos remanescentes dos que estavam em 2010. Ele estava no banco de reservas quando Asamoah Gyan cobrou o seu pênalti no travessão. Desta vez, porém, a filha de Ayew, de sete anos de idade, passou mal ao vê-lo desperdiçar a penalidade e teve de ser levada a um hospital.

Leia também:

Os irmãos Ayew foram substituídos no intervalo de jogo. Segundo o jornal Daily Mail, da Inglaterra, André foi diretamente para o hospital para checar a situação da filha. Foi um susto, mas ela passa bem.

"André Ayew saiu do estádio direto para o hospital para ver a filha, que desmaiou ao perder o pênalti contra o Uruguai. Foi bastante assustador, mas felizmente ela está bem agora", escreveu o jornalista ganês Fentuo Tahiro.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.