Fifa veta segunda camisa da Bélgica por palavra "Amor"

Torcedores em praça de Doha, no Catar

(Reuters) - A Fifa rejeitou a segunda camisa da seleção da Bélgica por causa da exibição da palavra "Love" ("Amor") na gola combinada com uma faixa colorida, disse um porta-voz da equipe nesta segunda-feira.

O design foi inspirado nos fogos de artifício do famoso festival de música belga Tomorrowland e representa diversidade, igualdade e inclusão.

"A seleção belga jogará com a camisa principal vermelha durante os três primeiros jogos", disse o porta-voz da seleção da Bélgica, Stefan Van Loock, acrescentando que se eles passarem pela primeira fase da Copa do Mundo no Catar a questão então será resolvida.

Se a palavra "Love" for retirada da parte interna da camisa, o time poderá usá-la, disse.

As camisas alternativas da Bélgica têm um novo design e foram lançadas em setembro. Desde então, a seleção belga jogou com ela em vários jogos da Liga das Nações da Uefa.

A rejeição ocorre depois que a Fifa ameaçou aplicar cartões amarelos para qualquer jogador que usasse a braçadeira multicolorida "OneLove" ("UmAmor"), que foi introduzida por alguns times para apoiar a diversidade e a inclusão.

A Federação Belga de Futebol disse nesta segunda-feira que seu capitão, Eden Hazard, não jogará com a braçadeira.

(Reportagem de Charlotte Van Campenhout)