Fifa pode multar México por gritos homofóbicos da torcida

Yahoo Esportes
(imagem: FRANCK FIFE/AFP/Getty Images)
(imagem: FRANCK FIFE/AFP/Getty Images)

A Fifa vai abrir um processo disciplinar e deve multar a Federação Mexicana de Futebol por causa dos gritos homofóbicos de sua torcida no jogo contra a Inglaterra. Os torcedores gritaram “puto”, que significa “bicha” em espanhol, durante as cobranças de tiro de meta do goleiro Neuer.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

A Fifa tem feito campanhas e aplicado sanções para banir cânticos homofóbicos, racistas e machistas dos estádios. Porém, as medidas não têm surtido muito efeito. Os mexicanos “popularizaram” os gritos de “puto” durante a Copa de 2014. Desde então, a entidade que rege o futebol do país foi multado sete vezes.

Antes do Mundial da Rússia, a Federação divulgou uma campanha pedindo à torcida que evitasse os xingamentos homofóbicos, mas não adiantou.

O grito, adaptado por algumas torcidas brasileiras desde a Copa de 2014, também rendeu multa à CBF durante as Eliminatórias.

Leia mais:
Arbitragem não é a única vilã no empate do Brasil
Brasileiros confundem árbitro na internet e xingam piloto da Stock Car
Veja mais notícias de Copa do Mundo

Leia também