Fifa estuda pênaltis na fase de grupos da Copa do Mundo de 2026

Disputa de pênaltis na fase de grupos serviria para evitar possível manipulação de resultados. Foto: Fareed Kotb/Anadolu Agency via Getty Images
Disputa de pênaltis na fase de grupos serviria para evitar possível manipulação de resultados. Foto: Fareed Kotb/Anadolu Agency via Getty Images

A Fifa está considerando introduzir a disputa de pênaltis para decidir se as equipes devem receber um ponto de bônus se os jogos da fase de grupos ficarem empatados na Copa do Mundo de 2026.

O próximo torneio masculino nos Estados Unidos, Canadá e México incluirá 48 times em vez de 32 e deverá ter 16 grupos de três times em vez dos oito grupos de quatro que vimos no Catar.

Leia também:

Os dois primeiros de cada grupo avançarão para a fase eliminatória das 32 oitavas - uma fase eliminatória extra considerando o formato atual.

O conselho da FIFA votou anteriormente por unanimidade em grupos de três times, mas a possibilidade de grupos com quatro times está voltando cada vez mais às conversas nos bastidores.

Isso significaria mais jogos e uma fase de grupos potencialmente direta, na qual as duas equipes mais bem classificadas se classificariam para as oitavas de final com relativa facilidade. O risco de qualquer conluio, no entanto, seria reduzido.

Se a Fifa for com grupos de três times, a introdução de pênaltis - para determinar qual time pode reivindicar um ponto de bônus no caso de um jogo empatado após 90 minutos na fase de grupos - é uma opção para decidir qual time avança.

Para evitar uma possível manipulação a disputa de pênaltis pode ocorrer antes do pontapé inicial.

Desde 1986, a FIFA agendou a rodada final das partidas da fase de grupos em Copas do Mundo ao mesmo tempo para reduzir as chances de isso acontecer, e a UEFA fez o mesmo nos Campeonatos Europeus.

Marco van Basten, diretor de desenvolvimento técnico da FIFA, disse em janeiro de 2017 que a disputa de pênaltis poderia ser introduzida para determinar empates durante a fase de grupos.

“Os pênaltis podem realmente ser uma opção para torneios com grupos de três em que você joga contra dois oponentes”, disse Van Basten ao Sport Bild.

“Pode ficar bem apertado. Se um time, por exemplo, empatar uma partida por 0 a 0 e vencer a outra por 1 a 0, há um alto risco de que as três equipes empatem em pontos e gols no final”, finalizou.