Fifa amplia banimento de Joseph Blatter e Jérôme Valcke do futebol

LANCE!
·1 minuto de leitura


A Fifa ampliou o banimento de Joseph Blatter e Jérôme Valcke do mundo do futebol por mais seis anos e oito meses. A entidade considera o ex-presidente e o ex-secretário culpados de diversas violações do Código de Ética da instituilção.

Blatter havia sido condenado em 2015 por dever de lealdade, conflito de interesse e oferecer e aceitar benefícios, sendo condenado até outubro de 2021. Valcke foi enquadrado em 2016 nos mesmos artigos do ex-presidente, mas também por abuso de posição e está banido até outubro de 2025. Dessa forma, a nova punição só entra em vigor ao término das atuais.

Além do banimento dos setores administrativos e esportivos no cenário nacional e internacional, a dupla também foi condenada a pagar uma multa. Blatter foi presidente entre 1998 e 2015 e saiu por corrupção, enquanto Valcke foi secretário-geral e banido por negociar direitos de transmissão das Copas de 2018 e 2022.