Presidente da Federação de Madagascar é eleito mandatário da CAF

Adis-Abeba, 16 mar (EFE).- O presidente da Federação de Madagascar, Ahmad Ahmad, foi eleito nesta quinta-feira como novo presidente da Confederação Africana de Futebol (CAF) ao vencer o camaronês Issa Hayatou, que tinha ocupado ininterruptamente a presidência da entidade desde 1988.

"Serei um líder ativo e moderno", disse Ahmad, que prometeu reformar profundamente a organização e chegou à vitória por 34 votos a 20.

Ahmad se comprometeu a melhorar as finanças da CAF e dar mais transparência à confederação. O novo mandatário, que discursou em francês, português e inglês, também disse querer reorganizar as competições no continente africano.

A eleição de Ahmad foi realizada na capital da Etiópia, Adis-Abeba, e contou com a presença do secretário-geral da Fifa, o suíço Gianni Infantino, que recomendou que os representantes das federações votassem "segundo sua consciência".

"A África sabe o que é bom para ela mesma", respondeu Hayatou, de 70 anos.

Ahmad, de 54 anos, será o sétimo presidente da CAF em seis décadas de existência da entidade. Hayatou esteve à frente da confederação durante quase 30 anos, nos quais foi eleito sem oposição por unanimidade em várias ocasiões e só teve rival duas vezes.

No ano 2000, o camaronês se impôs ao angolano Armando Machado por 47 votos a 4, e quatro anos depois ganhou de Ismail Bhamjee, de Botsuana, por 46 votos a 6. EFE