Fifa abre investigação sobre cantos de torcida mexicana em jogo contra Polônia

Torcedores do México durante partida contra a Polônia pela Copa do Mundo do Catar

DOHA (Reuters) - A Fifa abriu um procedimento investigativo contra a federação do México após os cantos dos torcedores mexicanos durante o empate sem gols com a Polônia pela Copa do Mundo no Catar, informou a entidade que comanda o futebol mundial nesta quarta-feira.

A Fifa não deu detalhes sobre quais cantos da torcida seriam investigados, mas os mexicanos foram ouvidos dirigindo ofensas depois que o atacante polonês Robert Lewandowski teve sua cobrança de pênalti defendida pelo goleiro mexicano Guillermo Ochoa.

"O Comitê Disciplinar da Fifa abriu processo contra a Associação Mexicana de Futebol devido aos cânticos dos torcedores mexicanos durante a partida entre México e Polônia na Copa do Mundo da Fifa disputada em 22 de novembro", disse a entidade.

"O processo foi aberto com base no artigo 13 do Código Disciplinar da Fifa."

A Fifa também abriu um procedimento disciplinar contra o Equador por causa do canto homofóbico dos torcedores do país sul-americano na partida de abertura da Copa do Mundo contra o Catar, no domingo.

(Reportagem de Rohith Nair em Doha e Janina Nuno Rios na Cidade do México)