Fernando Diniz lamenta gol sofrido pelo Santos no final: 'Jogo controlado'

·1 minuto de leitura


O técnico Fernando Diniz lamentou o empate do Santos contra o Internacional, na Vila Belmiro, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador considerou o gol feito dos visitantes como 'totalmente evitável', mas não nomeou culpados após o gol sofrido.


- Estou contente com a resposta, não sobre virar ou não, mas jogou diferente de quinta-feira. E chateado pelo gol completamente evitável. Jogo controlado, Inter praticamente não chegou com perigo no segundo tempo. Merecíamos a vitória pela maneira que o time se comportou taticamente, pela dedicação dos jogadores. Jogamos na quinta e o Inter só descansou. Time merecia a vitória hoje - comentou o treinador.

Questionado sobre o lance do gol do ex-santista Yuri Alberto, Diniz desconversou.

- Foi o sistema defensivo. Não vou apontar individualmente. Erro coletivo. É uma coisa muito treinada para quando estamos com linha baixa. Poderíamos ter tomado outro tipo de gol, esse é um lance que treinamos muito para não tomar - explicou.

+ Veja no aplicativo do LANCE! o resultado dos jogos da rodada

Com o empate, o Santos ficou no 11º lugar, com 22 pontos. O Peixe iria para o sexto lugar se conseguisse segurar a vitória em casa. Na Copa Sul-Americana, o time está eliminado.

A equipe vai até Curitiba para enfrentar outro rubro-negro, o Atlhetico-PR, em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira.

- Fizemos um bom jogo. Melhor resposta foi em relação ao Libertad. Time teve outra postura diante de adversário forte, de resultados positivos recentemente. Fizemos um jogo muito bom. No segundo tempo tivemos muitas chances de matar o jogo e não soubemos aproveitar - concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos