Feliz no Fla, Diego diz que ida ao clube superou as expectativas e fala sobre vestir a 10 de Zico

A maior referência do atual elenco do Flamengo, Diego esteve presente no lançamento do CanalZico10, canal de variedades do maior ídolo da história do clube. Apesar de ainda não ter sido entrevistado pelo eterno camisa 10, o meia fez questão de prestigiar o Galinho. Feliz pelo bom momento na Gávea e com o retorno à Seleção Brasileira, o jogador destacou que este período no Flamengo superou as suas expectativas.

"Eu planejei, sonhei e isso me trouxe até o Flamengo vim em busca de um sonho porém surpreendeu as minhas expectativas com certeza, nada é por acaso e tudo tem um propósito e cada vez que passa eu entendo mais o propósito de estar aqui hoje vestindo a camisa do Flamengo. Tudo tem acontecido de forma sensacional, eu tenho aproveitado e desfrutado de tudo isso, supera as minhas expectativas e espero que continue dessa forma".

Diego Ribas Willian Arao Flamengo San Lorenzo Libertadores 08032017


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Em grande fase, Diego viveu um dia de Zico ao cobrar uma falta com maestria contra o San Lorenzo, na estreia da Copa Libertadores, vestindo o mesmo número que consagrou o eterno craque Rubro-Negro. Questionado sobre o assunto, o meia manteve os pés no chão e afirmou que não chegará ao patamar de Zico no clube. 

"A 10 do Zico, do Flamengo né? Já tem dono e como eu disse um outro Zico não vai existir. Nós temos que respeita ló e admira lo por tudo o que ele fez e sinto uma grande alegria e honra em ter essa oportunidade. Ele é uma referência de um jogador, um profissional bem sucedido e é isso o que eu quero seguir, eu quero vencer com o Flamengo, ficar marcado na história do Zico mas tenho plena consciência de que eu não vou alcançar o patamar que ele alcançou dentro do Flamengo e isso de forma nenhuma me deixa frustrado, pelo contrário, faz com que ter a oportunidade de vestir a camisa 10 seja ainda mais gratificante por um jogador como ele ter feito tanta história com essa camisa".

Neste domingo (02) o Flamengo encara o Fluminense em Cariacica, pela Taça Rio, com os dois clubes classificados para as semifinais do Campeonato Carioca, Abel Braga garantiu que colocará os reservas do Tricolor em campo no clássico. Ainda sem saber a escalação de Zé Ricardo, Diego se colocou à disposição para a partida que vale muito pouco para ambos os clubes.

Diego Ribas Pará Flamengo Macaé Carioca 01022017


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

"Eu me reapresentei agora, fiz o meu primeiro treino hoje(ontem), com certeza será planejado pelo Zé, eu estarei à disposição, independente de contra quem nós jogamos, nós jogamos pelo Flamengo, independente da equipe e do jogador. Respeito aos adversários, no domingo será assim mais uma vez mas estou muito motivado, feliz e dar segmento ao trabalho que vem sendo muito bem feito para que a gente continue conquistando as vitórias".

Revelado pelo Santos, clube famoso por apostar em jogadores oriundos da base, Diego comentou o resgate da cultura Rubro-Negra de revelar atletas e fez um elogio especial a safra que integra o elenco profissional do clube. Contra o Volta Redonda, Zé Ricardo teve sete campeões da Copinha em campo.

"Acho que o Flamengo com certeza tem feito um trabalho muito bem feito e começa a colher os frutos na minha opinião. Tem uma safra muito boa que não são dois ou três jogadores, são mais e que realmente têm que ser bem aproveitados e têm sido. Vai ajudar muito essa garotada, já tem nos ajudado, uma prova disso vem sendo os resultados com gols e assistência deles durante os jogos, então acho que para nós é sensacional. E eu o que eu puder ajudar e servir como boa referência vou me esforçar, é uma garotada que merece uma admiração e merece as oportunidades que têm tido".

Felipe Vizeu Lucas Paquetá Pará 20022017


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Por fim, Diego falou sobre o período em que esteve com a Seleção Brasileira para os jogos contra Uruguai e Paraguai. Ele revelou que teve conversas com Tite e que mais convocações só dependem de seu desempenho com a camisa do Flamengo.

"Tivemos algumas conversas e realmente foi um período muito especial esses nove dias com a Seleção Brasileira, é realmente uma Seleção especial, a mais concorrida do mundo e estar ali presente, ser escolhido, fazer parte de todo esse ambiente que vem sendo muito feito comandado pelo Tite, pela entrega muito grande da comissão técnica. Foi um período realmente de alegria, desfrutei, aprendi e volto motivado. O fato de estar presente nas próximas depende mais de mim do que dele, manter o nível das atuações, sempre procurar fazer tudo o que estiver ao meu alcance para manter o nível".