Felipe Melo já se vê como ídolo, mas avisa: 'Tem de coroar com títulos'

A empatia entre Felipe Melo e a torcida do Palmeiras foi imediata. Prova disso é que com apenas 12 jogos e um gol pelo clube, marcado na vitória por 2 a 0 sobre o Mirassol, o volante já se sente ídolo. Mas ele salienta que precisa ganhar títulos para marcar seu nome de forma definitiva na história.

- Dado o momento, sim, já me considero ídolo. Mas para marcar história tem de ser coroado com título. Ídolo eu acho que já sou, agora falta marcar uma história como em outros clubes que passei, e isso vem com títulos. O Palmeiras fez um elenco forte, mas não podemos deixar só no papel. Depois do jogo contra o Santos eu e o Prass falamos uma coisa, que foi reforçada pelo Edu Dracena antes do jogo contra o Mirassol: é a humildade. Não deixar a soberba tomar conta do que a gente vem fazendo - disse o camisa 30.

A torcida do Palmeiras adotou o apelido que o volante trouxe da Turquia. Antes de cada jogo, ecoa da arquibancada o grito de "Felipe Melo, pitbull, cachorro louco". Após marcar seu primeiro gol pelo Verdão, ele retribuiu e foi até o setor onde ficam as organizadas para comemorar imitando um pitbull.

- O pitbull foi criado no Galatasaray e é bacana. Pitbull sem a bola, mas com a bola tenho demonstrado um pouco de técnica. A gente tem treinado muito este passe em diagonal, esta virada de jogo. Porque isso é importante para a gente. Nosso trabalho no treino tem sido importante. O Eduardo tem feito os jogadores flutuarem para receber a bola. Importante vencer, comemorando com pitbull ou não eu glorifico o nome de Deus - acrescentou ele, que já sabe como fazer para levantar a galera nos momentos mais morosos:

- Teve uma jogada no meio de campo no primeiro tempo em que eu poderia até tirar tocando para trás e resolvi dar um bico para fora para chamar a torcida, porque este combustível de fora faz toda a diferença para a gente. Estou contente de vestir a camisa e sobretudo por ajudar o Palmeiras a continuar em uma caminhada bacana - completou.



E MAIS: