Felipe Jonatan vive 'montanha-russa' na temporada, mas termina 2022 valorizado

Felipe Jonatan desperta o interesse do Fortaleza (Foto: Ivan Storti/Santos)


O lateral-esquerdo Felipe Jonatan viveu, definitivamente, um ano de muitas reviravoltas. O jogador começou a temporada como titular, mas acabou perdendo a vaga. Com o tempo, porém, reconquistou seu espaço e hoje é um dos nomes mais procurados no mercado de transferências.

Um dos motivos que explicam o “sumiço" do jogador foi a ascensão de Lucas Pires. Sua estreia no time principal ocorreu no dia 2 de fevereiro, no triunfo por 2 a 1 no clássico contra o Corinthians, na Arena Itaquera, e após três partidas entrando na segunda etapa, Pires assumiu a titularidade da equipe.

O Menino da Vila rapidamente caiu nas graças da torcida. Por uma infelicidade, sofreu uma pancada durante o treino em julho e, após exames de imagem, foi constatada uma lesão parcial no ligamento colateral medial do joelho direito. Assim, Felipe Jonatan voltou ao time titular e não saiu mais.

Da mesma forma, nas últimas três temporadas, 2022 foi o ano em que o camisa 3 menos participou dos duelos: foram 36 partidas. Em 2020, foram 61 jogos, com dois gols e seis assistências. Em 2021, mais 58 jogos, dois gols e cinco assistências.

Após o término do Campeonato Brasileiro, Felipe Jonatan passou a receber sondagens. O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, revelou interesse na contratação do lateral do Peixe em entrevista ao Esportes do Povo. Até o momento o Santos não recebeu nada oficial.

- É um nome que gostamos. Pouca gente sabe, mas o Felipe Jonatan é formado na base do Fortaleza e depois foi para o Ceará, acho que em 2014. Mas ele começou na base do Fortaleza, depois foi bem no Ceará e foi para o Santos onde está lá até hoje. É um jogador interessante, local, cearense. Contrato até 2025, não é uma operação fácil por pertencer ao Santos - afirmou Marcelo Paz.

Outro clube que busca uma opção no mercado é o São Paulo. Após a saída de Reinaldo, em término de contrato, o Tricolor demonstrou interesse em ambos laterais santistas: Felipe Jonatan e Lucas Pires. O Peixe não se animou com a possibilidade de negociar o camisa 44, como foi inicialmente publicado pelo Uol.

Em relação a Felipe, o atleta não é considerado inegociável, mas o Santos não pretende reforçar um rival por pouca coisa. Além disso, o São Paulo ainda mantém interesse no goleiro John e não chegou aos valores em que time da Vila Belmiro pede.

Vale destacar que no começo deste ano, Jonatan confirmou ter recebido uma nova proposta do Fenerbahçe, da Turquia. No começo do ano, o time do agora técnico Jorge Jesus, havia procurado o jogador, mas o presidente do Santos, Andres Rueda, recusou.

Felipe Jonatan chegou ao Santos em março de 2019, vindo do Ceará. O Peixe pagou cerca de R$ 6 milhões pelo lateral. Com Fábio Carille, o camisa 3 atuou também como volante, o que rendeu elogios à época. Ao todo são 189 jogos com a camisa santista. Seu contrato vai até fevereiro de 2025.

Vale destacar que em setembro de 2019, Felipe Jonatan foi convocado para a Seleção Olímpica para disputar amistosos contra Venezuela e Japão. Ele entrou no segundo tempo contra a equipe asiática na vaga de Caio Henrique.