Federação italiana envia nova proposta para retorno do futebol


A Federação Italiana de Futebol (FIGC) enviou neste domingo (17) uma proposta ao Ministro de Esportes para retornar as atividades. Ela ainda terá que ser aprovada e proíbe as concentrações e propõe a intensificação dos testes de controle médico.

"Com total espírito de colaboração, o ministro do Desporto, Vincenzo Spadafora, pediu aos seus colaboradores que estudem o documento para poder enviá-lo para o comité científico e técnico", diz a nota do ministério.

Na semana passada, alguns clubes da Serie A se manifestaram contra propostas apresentadas pelo governo, entre as quais a obrigação de concentrar os jogadores durante várias semanas nos centros de treinamento e de manter em quarentena todo o plantel se fosse registado um caso positivo.

O protocolo sanitário enviado pela Federação italiana prevê a realização de testes antes do regresso dos treinos em equipe e a repetição dos mesmos a cada três ou quatro dias.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também