Federação Inglesa investiga conduta violenta do Manchester United

O jogador Zlatan Ibrahimovic do Manchester United comemora vitória na Olimp-2 Arena em Rostov-on-Don, no dia 9 de março de 2017

A Federação Inglesa (FA) anunciou nesta terça-feira a abertura de um expediente para investigar a conduta violenta de jogadores do Manchester United na partida da Copa da Inglaterra contra o Chelsea, na segunda-feira, vencida pelo clube londrino por 1 a 0.

Na partida válida pelas quartas de final da FA Cup, o meia espanhol Ander Herrera foi expulso ao receber um segundo cartão amarelo aos 35 minutos de jogo, após falta dura no belga Eden Hazard.

A expulsão aconteceu pouco depois do árbitro da partida, Michael Oliver, alertar o capitão do United, Chris Smalling, pela seguidas faltas da equipe sobre Hazard.

A FA também criticou a atitude dos jogadores após a expulsão de Herrera, que rodearam o árbitro para protestar a decisão.

No segundo tempo, as câmaras de televisão flagraram o zagueiro argentino Marcos Rojo dando um soco no peito de Hazard.

O United tem até sexta-feira para apresentar defesa.