Análise: falta de consistência em todos os setores marca novo empate do Vasco na Série B do Brasileirão

·1 min de leitura


A irregularidade total é a marca do Vasco atual. O time é todo irregular. Capas de bons e maus momentos num intervalo de pouco tempo. Desentrosado pelos jogadores recém-chegados, mas capaz de vê-los serem participativos mesmo com pouco tempo de casa. E mais uma vez foi assim, desta vez contra o CRB, no sábado.

>>> Vasco chega ao décimo jogo seguido sem vencer na Série B. Confira a sequência

CRB x Vasco
CRB x Vasco

Vasco voltou a ter dificuldades numa partida da Série B do Campeonato Brasileiro (Foto: Daniel Ramalho/Vasco)

No frigir dos ovos, time alagoano teve mais chances de vencer a partida. A equipe de Zé Ricardo também teve boas chances, esteve fisicamente melhor durante a maior parte do segundo tempo, mas a incapacidade de ser consistente pesa demais.

Ser consistente é repetir a movimentação, ameaçar na primeira e cumprir na segunda tentativa. O Vasco não faz isso. Tanto que é difícil dizer qual jogada é característica da equipe além de qualquer coisa com a bola parada cobrada por Nene.

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

Por outro lado, Edimar havia dito, após o jogo passado, que a dificuldade da equipe para fazer gol era grande. É verdade. Mas o time, ainda assim, marcou uma vez naquela partida e outra neste sábado. O que a equipe precisa é criar mais para poder, aí sim, transformar tais chances em mais gols.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos