‘Falta compromisso coletivo defensivo’, aponta Abel sobre atuação do Palmeiras

·2 minuto de leitura


Após o empate entre Palmeiras e Juventude no Allianz Parque, Abel Ferreira criticou a atuação do time em entrevista coletiva. O treinador destacou os problemas defensivos do time e avaliou que os jogadores não estão cumprindo com o compromisso tático na hora de barrar o ataque adversário.

placeholder

– Fizemos um mau jogo. Não podemos sofrer o gol assim. Estamos dando gols pro adversário. O que melhorar? Os números são claros. Não posso ter 22 jogos e 26 gols sofridos. Falta compromisso coletivo defensivo. É o problema – afirmou categoricamente Abel.

Vazado com apenas cinco minutos de jogo, o Verdão levou gol de falta depois de uma sequência de erros. Primeiro, Gustavo Scarpa entregou a bola para o time gaúcho em passe errado e, em seguida, Wesley cometeu uma infração desnecessária próxima à grande área.

O comandante alviverde ressaltou a desconcentração da equipe em campo, especialmente depois de jogos decisivos. Para ele, esse comportamento tem sido decisivo para o desempenho recente negativo no Brasileirão.

– Não podemos o gol que sofremos. Avisei como o Juventude viria. Bola parada e transição. Treinamos isso e foram mais do que avisados. Os números são claros. Temos média de gols sofridos de equipe de rebaixamento – apontou.

– Tenho que perceber se é falta de maturidade… Disse, antes do jogo, que não sabia como reagiriam mentalmente após a classificação. Não sei se é cultural, do jogador brasileiro. É preciso continuar focado depois de grandes vitórias – concluiu o treinador.

Por fim, Abel também comentou sobre a dificuldade do Palmeiras de criar e definir as jogadas com qualidade. No duelo deste domingo, apesar da vantagem na posse de bola, o time não conseguiu transformar isso em oportunidades de gol.

– A verdade é que entramos sempre a perder os jogos de casa. As equipes se fecham e nos tiram o espaço. Propomos o jogo, 73% de posse, mas se não temos capacidade de definir, cruzar e finalizar, vai ser muito mais difícil – finalizou.

O Maior Campeão Nacional volta a campo nesta quarta-feira (6) às 21h30 (horário de Brasília) contra o América-MG, pela vigésima quarta rodada do Brasileirão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos