Falcao sai do banco, faz lindo gol de falta e dá vitória ao Monaco

Atacante foi crucial para a virada dos Monegascos sobre o Dijon por 2 a 1

O Monaco não teve vida fácil neste sábado. A equipe do Principado sofreu para bater, no Stade Louis II, o Dijon por 2 a 1, de virada. O herói mais uma vez foi o atacante Falcao García, que deixou o banco de reservas para salvar os Monegascos. Dirar fez o outro dos anfitriões, com Varrault descontando.

O resultado recoloca o Monaco na liderança isolada do Campeonato Francês, com 77 pontos. O PSG soma 74 e o Nice, 73. Já o Dijon está mal das pernas e ocupa apenas a 19ª colocação, com 29.

De olho na partida diante do Borussia Dortmund, na próxima quarta-feira, o técnico Leonardo Jardim poupou alguns titulares, como o atacante Falcao García, que ficou como suplente e entrou somente aos 14 do segundo tempo para salvar a equipe. Os brasileiros Jemerson e Fabinho foram titulares, com Jorge no banco.

Apesar de ter o domínio do jogo, o Monaco viu o Dijon abriu o placar no fim do primeiro tempo com Varrault. Aos 23 da segunda etapa, Falcao entrou em ação. Ele bateu falta colocada, a bola bateu no travessão, no goleiro e sobrou para Dirar, em cima da linha, empurrar para o gol.

A cereja do bolo, contudo, ainda estava por vir. Do mesmo lugar, Falcao cobrou outra falta e jogou no outro canto. Reynet ficou parado, fazendo golpe de vista, que não foi bem sucedido. Era a virada do Monaco no Stade Louis II.







E MAIS: