Fabrizio Gallas: 'Despedida de Bellucci, um dos maiores nomes da história'

FOTO: Divulgação


ThomazBellucci anunciou sua despedida das quadras para o Rio Open agora em fevereiro. Foi um dos maiores nomes do nosso esporte. 21 do mundo, quatro títulos de ATP, vitórias heróicas em Copa Davis, duelos contra Nadal e Federer no auge deles, vários anos no top 100, alguns com constância no top 50.

Em toda sua carreira sempre pedíamos mais pelo nível e talento que apresentava. Faltou um pouco de parte física um pouco de mental para alcançar algo ainda maior, mas foi um atleta excepcional e ao seu modo fez história para o tênis brasileiro.

Por seu jeito de ser um pouco mais introvertido fora das quadras acabou passando para vários uma imagem de antipático, mas era apenas sua maneira de ser.

Hoje em dia vemos nosso tênis masculino o quão difícil é alcançar o patamar que ele alcançou. Temos as meninas brilhando e trilhando o caminho do sucesso com Bia Maia, Luisa Stefani, Laura Pigossi, Carol Meligeni, Ingrid Martins, entre outras. Temos alguns lampejos no masculino, mas quem tem talento não consegue evoluir tecnicamente ou mesmo não paga o preço para se alcançar nem de perto o que Thomaz alcançou.

A vida do atleta é feita de escolhas, renúncias e muita transpiração. Muito mais que o talento, a dedicação diária é um ponto chave. E Thomaz, mesmo com os problemas de lesão nos últimos anos tentou, perseguiu, buscou alternativas, jogou até eventos futures, mas chegou o momento que não dava mais. Mostrou amor ao esporte.

Que ele siga no esporte para transferir de alguma forma seu know-how aos nossos futuros talentos.
Fui um dos poucos jornalistas a cobrirem um título de Bellucci em um ATP. Em 2010 em Santiago, no Chile. Uma semana especial derrotando Fernando Gonzalez com uma torcida muito mais do que barulhenta e até desrespeitosa na ocasião. Suportou uma pressão incrível na semifinal. Ainda bateu o ex-top 6, Nicolas Lapentti, na estreia, outro chileno, Paul Capdeville, nas oitavas, bateu na final o argentino Juan Monaco, que se tornaria top 10 mais adiante. Semana especial.