Fabrício Bruno pode deixar o Cruzeiro e acertar com o Red Bull Bragantino

Valinor Conteúdo
LANCE!
Jogador e clube conseguiram uma solução amigável após o imbróglio judicial- (Foto:Ms+Sports)
Jogador e clube conseguiram uma solução amigável após o imbróglio judicial- (Foto:Ms+Sports)


Em sua busca por economia e resolução de atritos com jogadores, o Cruzeiro pode ter sua primeira baixa do atual elenco confirmada. O zagueiro Fabrício Bruno, que move uma ação na Justiça do Trabalho, pode deixar a Raposa e acertar com Red Bull Bragantino, que foi promovido para a Série A do Campeonato Brasileiro.

O defensor, de 23 anos, está em negociações com a equipe de Bragança Paulista e a transação pode ser efetivada nos próximos dias. A informação, inicialmente divulgada pela Rádio Itatiaia e foi confirmada pelo L!.

Todavia, o Cruzeiro quer que Fabrício Bruno retire a ação contra o clube, em que pede R$ 4 milhões por salários e direitos de imagem atrasados, além da rescisão indireta com a equipe mineira, onde o jogador foi formado, para que haja a liberação para outro time.




O zagueiro tem contrato com o Cruzeiro até 2022 e só deixará a ação de lado se houver um acerto salarial com o Bragantino.

Fabrício Bruno não se apresentou ao clube nesta segunda-feira, 6 de janeiro, para a pré-temporada 2020, em virtude da disputa judicial, além de uma tensa relação entre o jogador, seu agente, Fábio Mello, que foi acusado de furtar documentos do clube em uma reunião com o ex-CEO Vittorio Medioli, aumentando o atrito entre as partes.

O jogador também não está satisfeito com o Cruzeiro, por ter recusado uma proposta de R$13 milhões do Celtic-ESC, o que levou o staff do atleta a ingressar com a ação judicial. Fabricio Bruno foi revelado pelo Cruzeiro em 2016 e teve um bom 2019, sendo um dos poucos destaques positivos da equipe azul no fatídico rebaixamento à Série B.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também