F1: Pérez recebe reprimenda da FIA por incidente com Gasly

Adam Cooper
·2 minuto de leitura

Sergio Pérez foi repreendido por ter sido considerado culpado por bloquear Pierre Gasly na classificação para o GP de Portugal.

O piloto da Racing Point abandonou a ideia de uma volta rápida no final do Q2 e foi informado pela equipe no final da volta que Gasly estava se aproximando. Ele tentou sair do caminho do francês, mas era tarde demais.

Leia também:

Hamilton supera Bottas e crava a pole para o GP de Portugal de F1 PLACAR F1: Hamilton desbanca Bottas e consolida vantagem na temporada F1: Verstappen lamenta falta de aderência na 'confusa' classificação de Portugal

Os comissários decretaram que era um caso de impedimento, mas na verdade deram a Pérez o benefício da dúvida, dada a natureza acidentada da pista de Portimão e o fato de que é mais difícil para os pilotos verem os carros se aproximando pelos espelhos.

Nessas circunstâncias, eles sentiram que uma reprimenda era a punição mais apropriada do que a opção de penalidade de grid de três lugares, normalmente utilizado nesses casos.

Três reprimendas provocam uma penalidade de 10 posições no grid, mas esta foi a primeira da temporada para o piloto mexicano.

Ao explicar seu pensamento, os comissários disseram que falaram com ambos os pilotos e "analisaram vários ângulos de vídeo e chamadas de rádio para os pilotos.

"Pérez tinha acabado de abortar sua volta na curva 10, embora ainda estivesse em velocidade relativamente alta. A topografia entre a curva 10 e a curva 13 é muito acidentada e os pilotos têm uma visão muito limitada dos carros atrás deles. Além disso, o tempo entre as voltas é muito limitado.”

"No ápice da curva 13, a equipe de Pérez recebeu um rádio avisando que Gasly estava se aproximando a toda velocidade. Ele imediatamente puxou para a esquerda na saída da curva. No entanto, neste ponto, o fato de ele estar no ápice, assim como Gasly, definitivamente o impediu.”

“Os comissários consideraram a dificuldade de ver que era aparente neste circuito e compararam este incidente com outros durante a temporada.”

"Os comissários, portanto, sentiram que isso estava no limite de ser um 'impedimento desnecessário’ (como está declarado no regulamento) e emitiram uma reprimenda."

Pérez terminou o Q3 em quinto lugar, enquanto Gasly largará da nona posição do grid.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Q4: Assista ao debate sobre o treino classificatório para o GP de Portugal de F1, com Lucas Foresti

PODCAST: O mercado da F1 para 2021 e os 30 anos do bicampeonato de Senna

Your browser does not support the audio element.