F1: Grosjean diz que “mãos estão melhorando”, após um mês de acidente no Bahrein

Filip Cleeren
·2 minuto de leitura

Romain Grosjean disse que suas mãos "estão melhorando" um mês depois de seu forte acidente no GP do Bahrain.

O francês escapou milagrosamente de ferimentos graves, mas sofreu queimaduras nas mãos, o que o impediu de retornar nas últimas duas corridas em 2020.

Romain Grosjean racing on iRacing

Romain Grosjean racing on iRacing<span class="copyright">Motorsport.com</span>
Romain Grosjean racing on iRacingMotorsport.com

Motorsport.com

O piloto de 34 anos não é um estranho nos eSports, tendo fundado sua própria equipe de corrida, a R8G Esports, que participou das 24 Horas Virtuais de Le Mans em junho, bem como de várias categorias de corrida de simulação de alto nível.

Grosjean disse que esperava fazer um teste privado com um carro de Fórmula 1 atual para ter um adeus adequado ao volante de um carro de F1, com a Mercedes afirmando que faria funcionar um carro para ele se nenhuma outra equipe fosse capaz.

Os novos planos de Grosjean no mundo real estão no ar. Depois de ser notificado pela Haas que seu contrato não seria renovado, ele deu uma olhada séria na IndyCar, mas disse que talvez tenha que reconsiderar a ideia após seu violento acidente.

Ele também afirmou que não correria de carro sem um dispositivo de halo, que salvou sua vida no Bahrein.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Lucas di Grassi EXPLICA por que Hamilton é tão GENIAL e vê britânico como o melhor da F1 moderna

PODCAST: Quem ou quais foram os maiores fiascos da F1 em 2020?

Your browser does not support the audio element.