Fênix: Senegal ressurge e honra continente africano após ausência inusitada na Copa de 2018


A reviravolta de Senegal no Grupo A da Copa do Mundo foi impressionante. Depois de perder a estreia para a Holanda, por 2 a 0, a equipe de Aliou Cissé conseguiu duas vitórias, diante de Qatar e Equador, e se classificou como segundo colocado. A vaga veio de maneira dramática e emocionou ainda mais os africanos, que honraram o nome do continente após ausência no mata-mata em 2018.

Na última edição da Copa do Mundo, os Leões não conseguiram a classificação no Grupo H por um motivo inusitado. Senegal empatou com o Japão em todos os critérios primários de desempate, e a vaga teve que ser decidida no número de cartões amarelos. A maneira como a seleção foi eliminada machucou e, por isso, o lugar nas oitavas de final foi ainda mais valorizado neste ano.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O JOGO

O primeiro tempo entre Senegal e Equador foi morno, com as equipes se estudando bastante ao longo dos 40 minutos. Precisando da vitória, Senegal se lançou ao ataque no fim da etapa inicial e conseguiu abrir o placar com gol de pênalti de Ismaila Sarr. O tento incendiou a partida, já que eliminava os sul-americanos, que dependiam apenas de um empate.

+ AO VIVO: Último LANCE! traz tudo sobre a Copa do Mundo

A metade final do duelo foi marcado por grandes chances, e os dois goleiros fazendo milagres. O Equador chegou a empatar com Moisés Caicedo, mas, três minutos depois, o capitão Kalidou Koulibaly testou firme para dar a vantagem e a vaga aos senegaleses. O momento foi de emoção após o apito final.

Senegal - Baba Diop
Senegal - Baba Diop

A seleção senegalesa fez uma bela festa após o apito final (Issouf SANOGO / AFP)

OUTRAS SELEÇÕES AFRICANAS EM DISPUTA

Além de Senegal, outras quatro seleções africanas ainda disputam uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo. Tunísia e Camarões estão em situação mais complicada em seus respectivos grupos. Enquanto o primeiro ocupa a lanterna do Grupo D, que tem França, Dinamarca e Austrália, o segundo acumula apenas um ponto no Grupo G, de Brasil, Suíça e Sérvia. Ambos precisam de uma vitória para se classificar.

+ Aliou Cissé cita Diop e Mané e vibra com classificação de Senegal às oitavas da Copa: 'Foi um jogo emocionante'

Em compensação, Marrocos e Gana estão em situação mais tranquila. Os marroquinos dividem a liderança do Grupo F com a Croácia, dependendo apenas de um empate diante do já eliminado Canadá para se classificar. Enquanto isso, a seleção ganesa confirma a vaga com um triunfo sobre o Uruguai, desesperado por um lugar nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Senegal enfrentará a Inglaterra nas oitavas de final. A partida acontecerá neste domingo (04), às 16h (de Brasília), no Estádio Al Bayt, em Doha. A seleção senegalesa tentará fazer história, repetindo o feito de 2002, e chegar às quartas pela segunda vez vez.