Fàbregas diz ser amigo de Mourinho e não ter contato com Guardiola

LANCE!
·1 minuto de leitura


O meio-campista Cesc Fàbregas revelou ter boa relação com o técnico José Mourinho, com quem trabalhou no Chelsea, mas afirmou não manter relações com Pep Guardiola. Em entrevista à “Tot Costa”, o espanhol admite que o período em que mais aprendeu na carreira foi trabalhando ao lado do espanhol.

- Com Guardiola não voltei a falar. Aconteceram algumas coisas sobre as quais não preciso dizer. Não sei se a decepção é mútua. Era meu ídolo na infância, talvez a pessoa de quem eu mais tenha aprendido, como jogador, como ídolo e como treinador.

O jogador do Monaco também contou que o técnico português foi o responsável pela sua saída do Barcelona e ida para a Inglaterra.

- Mourinho foi quem mais me inspirou a deixar o Barça. Ele me disse que teria me colocado em campo quando estava no Chelsea e eu no Arsenal e depois quando ele treinava o Real Madrid e eu estava no Barcelona e ele me contou sobre o seu projeto. Priorizei o profissional e continuo escrevendo para ele, o considero um amigo.

Apesar de terem trabalhado juntos no Chelsea, o tempo de convivência foi curto, pois Fàbregas chegou aos Blues em 2014 e o comandante deixou a equipe em 2015. Ainda assim, o espanhol é grato e afirma que teve uma das melhores temporadas de sua carreira sob comando de Mourinho.