Executivos da Red Bull são demitidos após acusações de racismo

Yahoo Finanças
Red Bull – executivos demitidos por acusações de racismo. (Foto: Mark Thompson/Getty Images)
Red Bull – executivos demitidos por acusações de racismo. (Foto: Mark Thompson/Getty Images)

Altos executivos da Red Bull nos Estados Unidos foram demitidos depois de uma série de acusações de racismo e xenofobia contra a cúpula da empresa em seu braço norte-americano. A principal acusação, vinda de funcionários da própria Red Bull, é de que a liderança da empresa não se posicionou de forma contundente em relação ao assassinato de George Floyd e aos protestos por justiça e igualdade racial nos Estados Unidos. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Segundo a Adweek, especializada na cobertura do mercado de mídia, publicidade e tecnologia, foram três demitidos: Stefan Kozak, CEO executivo para América do Norte, a chefe executiva de marketing Amy Taylor, e Florian Klaass, chefe global de marketing cultural. 

 Leia também

Além do silêncio em relação ao assassinato de George Floyd e aos protestos, um outro evento pesou contra o grupo de executivos; uma ilustração usada em uma apresentação que mostrava o mapa mundial com uma série de estereótipos racistas, como a China sendo “o país onde as coisas são produzidas” e a África o “lugar de onde os animais do zoológico vêm”. 

O slide usado na apresentação vazou, e causou constrangimento para a empresa, que foi acusada de cultivar uma cultura racista dentro de seus quadros. A chefia global da Red Bull se posicionou, dizendo-se veemente contra o racismo, e que essa luta estaria no DNA da empresa.

Depois de demitir os executivos, a Red Bull não afirmou ter feito isso por conta das polêmicas recentes em que eles estiveram envolvidos, mas como parte de uma estratégia de mudança de foco e redução de gastos. 

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também